Filmes por gênero

GOLPE DO DESTINO (1951)

Cry danger
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Grito de alarme (Portugal)
L'implacable ennemie (França)
Nei bassifondi di Los Angeles (Itália)
Grito de terror (Espanha)
Hämnaren slår till (Suécia)
Handlangers van de dood (Holanda)
Kostaja iskee (Finlândia)
Lurende fare (Dinamarca)
Крик об опасности (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama, Filme Noir, Crime
Direção: Robert Parrish
Roteiro: William Bowers
Produção: W.R. Frank, Sam Wiesenthal
Música Original: Emil Newman, Paul Dunlap
Direção Musical: Emil Newman
Fotografia: Joseph F. Biroc
Direção de Arte: Richard Day
Figurino: Eloise Jensson
Guarda-Roupa: Jack E. Miller
Maquiagem: Kiva Hoffman
Efeitos Sonoros: William H. Lynch
Nota: 8.3
Filme Assistido em: 1953

Elenco

Dick Powell Rocky Mulloy
Rhonda Fleming Nancy Morgan
Regis Toomey Detetive Tenente Gus Cobb
Richard Erdman Delong
William Conrad Louie Castro
Jean Porter Darlene LaVonne
Joan Banks Alice Fletcher
Jay Adler Williams
Renny McEvoy Taxista
Lou Lubin Hank
Benny Burt Barman
Gloria Saunders Vendedora de cigarros
Kathleen Freeman Vendedora de cigarros
Robert Bice Pistoleiro de Castro
Sayre Dearing Policial
Bill Kennedy Policial
David McMahon Policial
Frank Marlowe Proprietário da Delicatessen
Ann Tyrrell Mulher no Apto. 201

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Ao deixar a Estação Ferroviária de Los Angeles, o ex-presidiário Rocky Mulloy, que esteve preso por roubo e assassinato, é cumprimentado pelo Tenente Gus Cobb, o detetive responsável pela sua prisão. Com Gus, encontra-se Delong, o incapacitado fuzileiro naval que forneceu o álibi que finalmente libertou Rocky. O cínico Gus convida Rocky e Delong para uma bebida e, no bar, Delong explica que, tendo embarcado no dia seguinte ao assalto, não tomou conhecimento de que Rocky, com quem ele e outros fuzileiros haviam bebido na noite anterior, encontrava-se em apuros.

Apesar das declarações do Delong, Gus permanece convencido de que Rocky cometeu o roubo e o informa de que continuará a segui-lo até que ele o leve ao dinheiro do assalto que nunca foi recuperado. Uma vez sozinho com Rocky, o alcoólatra Delong admite ter inventado o álibi, esperando que ele, sentindo-se agradecido, iria compartilhar parte do produto do roubo consigo. Rocky volta a repetir que não participou de qualquer roubo, mas sabe quem o fez e pretende encontrar o dinheiro.

Delong acompanha Rocky até um parque de trailers, onde vive Nancy Morgan, a esposa de seu melhor amigo, Danny, que também foi considerado culpado do assalto e ainda se encontra na prisão. Rocky e Delong alugam um trailer perto de Nancy, e esta se sente emocionada ao reencontrar Rocky, com quem ela já foi romanticamente envolvida..

Naquela noite, Rocky procura Louie Castro, que organizou o assalto, a quem exige o pagamento de US$ 50.000, quantia por ele oferecida por sua participação no assalto, mas Castro se nega a pagar. Ao invés disso, ele lhe dá US$ 500 para que ele aposte em um cavalo que deverá correr no dia seguinte. Mais tarde, no parque de trailers, Rocky é alvejado por um assaltante despercebido e Nancy lhe implora que esqueça o assunto. Descartando as preocupações de Nancy, Rocky procura Arthur Fletcher, uma testemunha que prestou depoimento condenatório durante seu julgamento, descobrindo através de sua viúva que, na época, ele recebera US$ 5.000, logo após o julgamento, concluindo que ele teria sido subornado por Castro.

Seguindo as instruções de Castro, Rocky faz sua aposta com um agente chamado Harry, no cavalo sugerido, mas o prêmio recebido é considerado, pelo tenente Gus como dinheiro roubado. Para provar sua inocência, Rocky leva o tenente até a casa de Harry, mas lá não encontram qualquer vestígio ligado a apostas de cavalos. Na presença de Rocky, Gus telefona para Castro e lhe pergunta se ele viu Rocky recentemente. Quando Castro nega, Gus, que tem seguido Rocky, sabe que ele está mentindo, mas ainda assim reluta em acreditar na história do Rocky.

Logo depois, no parque de trailers, Delong e sua namorada Darlene LaVonne são confundidos com Rocky e Nancy, por bandidos de Castro, e atacados com uma saraivada de balas. Darlene morre na hora e Delong é ferido e levado às pressas para o hospital. O tenente Gus leva Rocky e Nancy para serem interrogados com Castro, mas não consegue coagi-los a admitirem qualquer coisa. Mais tarde, um enfurecido Rocky encontra Castro em seu escritório e o força, com uma arma apontada para ele, a deitar-se sobre a mesa. Em seguida, ele joga roleta russa com Castro até que este confessa onde se acha escondida a metade do produto do roubo. Aterrorizado, Castro também revela que Nancy tem a outra metade, e que Danny, ao contrário de Rocky, também participou do assalto e cometeu o assassinato.

Depois que Rocky engana Castro e o faz chamar seus homens ao seu escritório, ele notifica a polícia. Como consequência, os bandidos e a polícia se envolvem em um tiroteio, enquanto Rocky informa o tenente Gus sobre o local onde se encontra a metade do produto do roubo escondida por Castro. No parque de trailers, Rocky confronta Nancy, que admite estar com o dinheiro, mas insiste que manteve o silêncio porque tinha medo de Castro. Nancy também confessa ter atirado nele por ser ele um bisbilhoteiro. Em seguida, ela lhe implora que os dois fujam juntos. Rocky concorda, mas tão logo deixa seu trailer, ele fala para o tenente Gus sobre a decepção que foi Nancy e, tranquilamente se afasta em silêncio.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Robert Parrish, a partir de um roteiro escrito por William Bowers, “Golpe do Destino” é um ótimo filme ‘noir’ produzido pelas empresas Olympic Productions Inc. e Wiesenthal-Frank Productions em 1951. Sua trama, baseada numa obra escrita por Jerome Cady, conta a história de um homem que passou cinco anos na cadeia por um crime que ele não cometeu.

Embora não se trate de um filme premiado, Parrish nos brinda com um bom trabalho na direção, ao imprimir um ótimo ritmo à narrativa, no que é ajudado pela bela fotografia a cargo de Joseph F. Biroc.

No elenco, destacam-se as atuações de Dick Powell e Regis Toomey, seguidas pelas de William Conrad, Richard Erdman e Jean Porter.

CAA