Filmes por gênero

PONTO FINAL - MATCH POINT (2005)

Match point
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Balle de match (França, Canadá)
La provocación (México, Venezuela)
Wszystko gra (Polônia)
Pais: Reino Unido, Estados Unidos, Irlanda, Luxemburgo, Rússia
Gênero: Drama, Romance
Direção: Woody Allen
Roteiro: Wood Allen
Produção: Lucy Darwin, Gareth Wiley, Letty Aronson
Design Produção: Jim Clay
Música Não Original: Rossini, Bizet, Verdi, Carlos Gomes, Donizetti, Webber
Fotografia: Remi Adefarasin
Edição: Alisa Lepselter
Direção de Arte: Diane Dancklefsen, Jan Spoczynski
Figurino: Jill Taylor
Guarda-Roupa: Ella Hastings e outros, Martin Chitty, Charlotte Finlay
Maquiagem: Carmel Jackson, Sallie Jaye, Sharon Martin
Efeitos Sonoros: Ryan Collison, Robert Hein, Lee Dichter e outros
Efeitos Especiais: Jonathan Bullock, Dean Ford
Efeitos Visuais: Martin Hobbs, Rudi Holzapfel, Michelle Martin e outros
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 2006

Elenco

Jonathan Rhys Meyers Chris Wilton
Scarlett Johansson Nola Rice
Matthew Goode Tom Hewett
Emily Mortimer Chloe Hewett Wilton
Alexander Armstrong Sr. Townsend
Paul Kaye Agente imobiliário
Brian Cox Alec Hewett
Penelope Wilton Eleanor Hewett
Selina Cadell Margaret
Geoffrey Streatfield Alan Sinclair
Rupert Penry-Jones Henry
Miranda Raison Heather
Rose Keegan Carol
Zoe Telford Samantha
Margaret Tyzack Sra. Eastby
Colin Salmon Ian
Toby Kebbell Policial
Ewen Bremner Inspetor Dowd
Steve Pemberton Det. Parry
James Nesbitt Det. Banner
Mark Gatiss Jogador de ping-pong
Simon Kunz Rod Carver
Scott Handy Amigo de Hewett
Emily Gilchrist Amiga de Hewett

Prêmios

Prêmios David di Donatello, Itália

David de Melhor Filme da União Européia

Prêmios Goya - Academia Espanhola, Espanha

Goya de Melhor Filme Europeu

Prêmios Sant Jordi de Barcelona

Prêmio de Melhor Filme Estrangeiro

Academia Argentina de Cinema, Artes e Ciências, Buenos Aires

Prêmio de Melhor Filme Estrangeiro (Woody Allen)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Roteiro Original

Prêmios César - Academia das Artes do Cinema, França

César de Melhor Filme Estrangeiro

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Prêmio de Melhor Direção (Woody Allen)

Prêmio de Melhor Roteiro

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Scarlett Johansson)

Festival Robert de Copenhague, Dinamarca

Robert de Melhor Filme Americano

Associação dos Críticos de Cinema de Chicago

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Scarlett Johansson)

Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália

Prêmio Fita de Prata de Melhor Diretor Não Europeu (Woody Allen)

Associação dos Críticos de Cinema de St. Louis, USA

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Direção (Woody Allen)

Prêmio de Melhor Roteiro (Woody Allen )

Grêmio dos Críticos de Cinema da Rússia

Prêmio Elefante Branco de Melhor Filme Estrangeiro (Woody Allen)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Chris Wilton é um jovem irlandês, ex-profissional do tênis que, cansado das constantes viagens e consciente de que jamais será um campeão mundial, muda-se para Londres, onde aceita um emprego como professor desse esporte num seletivo clube da alta sociedade londrina.

Ambicioso e carismático, conhece e trava amizade com Tom Hewett, filho de um milionário, e inicia uma relação amorosa com a irmã deste, Chloe.  Tudo parece estar bem encaminhado para mudar de vida e começar sua ascensão na hierarquia social local.  Ao conhecer a noiva de Tom, a americana Nola Rice, sente-se irremediavelmente atraído pela bela mulher.

Bem aceito pelos pais de Tom e Chloe, em pouco tempo casa-se com a jovem, além de passar a ocupar um alto cargo numa das empresas dos Hewett.

Embora casado, Chris continua a dar em cima de Nola, arriscando a segurança social e financeira que Chloe lhe proporciona.  Certo dia, ele a encontra sozinha e termina forçando uma relação no meio de um campo de trigo e debaixo de um forte temporal.  Na manhã seguinte, volta a procurá-la, mas ela lhe diz que o ocorrido na véspera deve ser esquecido, já que ambos são comprometidos.  Sua obsessão por ela continua cada vez maior.

Tom conhece e se apaixona por outra jovem, terminando seu noivado com Nola que, desgostosa, retorna aos Estados Unidos, para desespero de Chris.  Algum tempo depois, entretanto, ela volta a morar em Londres, oportunidade em que se torna, finalmente, sua amante.

Não querendo perder Nola, por quem continua obcecado, nem Chloe, pela boa vida que ela lhe proporciona, Chris faz de tudo para manter essa situação sob controle.  As coisas, no entanto, se complicam quando Nola aparece grávida e exige que ele se separe da mulher e assuma suas obrigações de pai e amante.  Diante dessa situação, Chris sente que todo o seu mundo pode a qualquer momento desabar, se ele não tomar uma decisão drástica.

imagem imagem imagem

Comentários

"Ponto Final - Match Point" é um excelente drama sobre o comportamento humano quando levado a extremos por paixões avassaladoras e desejos incontroláveis.  Escrito e dirigido pelo grande cineasta Woody Allen, o filme se alicerça num roteiro irrepreensível, repleto de diálogos inteligentes.

O trabalho de Allen é simplesmente genial.  Logo no início, através de uma metáfora, ele coloca que perder ou ganhar é uma questão de sorte, depende apenas do lado em que cai a bola de tênis ao tocar à rede.  No final inesperado e inteligente, ele apresenta um desfecho surpreendente, ao mostrar de forma crua e realista que a verdade nem sempre vem à tona, que o bem nem sempre sai vencedor.

A fotografia de Remi Adefarasin e a magnífica trilha sonora, incluindo trechos de óperas de grandes mestres da música, ajudam a tornar esse filme imperdível.

No elenco, os dois maiores destaques são as atuações do ator irlandês, Jonathan Rhys Meyers, e da bela nova-iorquina, Scarlett Johansson.

CAA