Filmes por gênero

RATOS DO DESERTO (1953)

The desert rats
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Les rats du désert (França, Bélgica)
I topi del deserto (Itália)
Las ratas del desierto (Espanha, Argentina)
Die Wüstenratten (Alemanha, Austria)
Ökenråttorna (Suécia)
Ørkenrotterne (Dinamarca)
Erämaan rotat (Finlândia)
Szczury pustyni (Polônia)
Песчаные крысы (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: 2ª Guerra Mundial
Direção: Robert Wise
Roteiro: Richard Murphy
Produção: Robert L. Jacks
Música Original: Leigh Harline
Direção Musical: Alfred Newman
Fotografia: Lucien Ballard
Edição: Barbara McLean
Direção de Arte: Lyle Wheeler, Addison Hehr
Guarda-Roupa: Charles Le Maire
Maquiagem: Ben Nye
Efeitos Sonoros: Roger Heman Sr., Alfred Bruzlin
Efeitos Especiais: Ray Kellogg
Nota: 8.3
Filme Assistido em: 1954

Elenco

Richard Burton Capt. MacRoberts
James Mason Marechal de Campo Erwin von Rommel
Robert Newton Tom Bartlett
Robert Douglas General
Torin Thatcher Coronel Barney White
Chips Rafferty Sgt. 'Blue' Smith
Charles Tingwell Ten. Harry Carstairs
Charles Davis Pete
Ben Wright Mick
Frank Pulaski Maj. O'Rourke
Charles Keane Sgt. Donaldson
Michael Pate Cabo Currie
John Alderson Cabo
John Wengraf Médico alemão
Alfred Zeisler Von Helmholtz
John O'Malley Riley
Ray Harden Hugh
Arno Frey Kramm
Pat O'Moore Jim
Albert Taylor Jensen

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor História e Roteiro (Richard Murphy)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em maio de 1941, as tropas alemães, comandadas pelo Marechal de Campo Erwin von Rommel, conquistam basicamente o controle do Norte da África, ao forçarem as tropas britânicas a bater em retirada para o Egito.  O único ponto ainda controlado pelos aliados é Tobruk, localizado no nordeste mediterrâneo da Líbia.

Lá, o capitão de infantaria britânico, MacRoberts, é nomeado pelo General responsável pela defesa desse ponto estratégico, líder de uma companhia de recrutas australianos que acaba de chegar à Tobruk.  Inicialmente, MacRoberts tem dificuldades em ganhar a confiança dos homens, mas, gradualmente, não só ele os conquista como os transforma em grandes soldados.

O Alto Comando, no Cairo, ordena que as tropas que se encontram em Tobruk resistam por dois meses, tempo necessário à preparação e envio de reforços.  Assim, o General e seus Oficiais se reúnem diariamente para analisarem a situação e traçar estratégias.

Quando o serviço de meteorologia identifica uma tempestade de areia que se desloca em direção ao local, os oficiais acreditam que Rommel vai aproveitá-la para atacar a cidade.  Inferiorizados em homens e material bélico, os aliados traçam um plano para tentarem isolar os tanques nazistas de suas tropas de infantaria, contando também para isso com o fator surpresa.  Como previsto, os alemães atacam e, depois de um longo combate, são obrigados a recuar para o deserto.  Pelo grande feito, MacRoberts é alçado ao cargo de Tenente-Coronel, passando a comandar três Companhias australianas.

A falta de recursos os impede de planejar um ataque contra as tropas de Rommel.  Assim, decidem enviar todas as noites grupos de comandos com o objetivo de efetuarem ataques-relâmpagos a alvos preestabelecidos, voltando em seguida.  Essa tática mostra-se efetiva durante os meses de maio e junho de 1941.

Ao localizarem um depósito subterrâneo de munições, do exército alemão, os Oficiais se reúnem para traçarem um plano que permita sua destruição.  Assim, na noite de 09 de julho de 1941, inicia-se um dos ataques mais ousados da campanha no norte da África.  Utilizando três caminhões que haviam pertencido a tropas italianas, 57 homens partem para a arriscada missão.  Antes dos veículos chegarem aos portões do referido Depósito, alguns homens se adiantam e conseguem entrar e imobilizar as principais sentinelas.  Os caminhões entram a seguir.  As explosões se sucedem seguidas de uma forte reação nazista.  Ao final, o objetivo é alcançado, embora ocorram várias baixas.  O Ten. Harry Carstairs morre, enquanto MacRoberts é ferido e feito prisioneiro.

Ao ser atendido por um médico alemão, que lhe retira uma bala do braço esquerdo, MacRoberts se depara com o Marechal Rommel, que também havia sido levemente ferido.  Os dois conversam sobre os destinos da guerra, até que MacRoberts é levado, juntamente com outros soldados, para um campo de prisioneiros de guerra.  No caminho, os caminhões que os levam são atacados por três aviões-caça aliados.  Na confusão que se forma, MacRoberts e o Sgt. 'Blue' Smith conseguem se esconder por trás de umas pedras.  Ali, aguardam o cair da noite para poderem caminhar de volta à Tobruk, onde chegam alguns dias depois.

Nos meses que se seguem, Rommel ataca Tobruk com a Luftwaffe, artilharia pesada e ataques frontais.  MacRoberts e os australianos, que deveriam resistir por dois meses, já se acham a quase oito aguardando a chegada dos reforços prometidos.  Ele e seus comandados se instalam na colina de Ed Dude, por ser um ponto altamente estratégico para a defesa de Tobruk.  A essa altura, as condições de seus homens já se acham no limite.  Por telefone, consegue autorização para deixar Ed Dude, se assim achar ser a melhor solução para todos.  Embora cansados e sujeitos às piores condições climáticas, seus homens se negam a deixar esse posto avançado, até que, finalmente, surgem os reforços vindos do Cairo.  Assim, depois de 242 dias, o cerco à Tobruk chega ao fim.

imagem

Comentários

"Ratos do Deserto" é um ótimo filme de guerra.  Realizado pelo cineasta Robert Wise, o filme trata de um dos mais famosos episódios da campanha aliada, no norte da África, durante a 2ª Guerra Mundial.

O roteiro de Richard Murphy é excelente.  As táticas usadas para a defesa de Tobruk são o coração do filme e, felizmente, são muito bem explicadas aos espectadores, quer através de um narrador, quer através dos personagens, ao discuti-las usando mapas e diagramas para ilustrarem a situação.

O título, "Ratos do Deserto", vem do apelido dado às tropas australianas estacionadas em Tobruk, que se escondiam em verdadeiras tocas perfuradas em rochas do deserto libanês.

As cenas de ação foram muito bem produzidas.  Embora apareça muito pouco na tela, a melhor interpretação é a oferecida por James Mason, no papel do  Marechal de Campo Erwin von Rommel.  Em seguida, vêm as atuações de Richard Burton e Robert Newton.

CAA