Filmes por gênero

ENTRE EU E EU MESMA (1999)

Me myself I
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: La chance de ma vie (França)
Yo y yo misma (Espanha)
Nei panni dell'altra (Itália)
Mein leben auf zwei wegen (Alemanha)
Pais: França, Austrália
Gênero: Comédia Romântica
Direção: Pip Karmel
Roteiro: Pip Karmel
Produção: Fabien Liron
Design Produção: Murray Picknett
Música Original: Charlie Chan
Coreografia: John O'Connell
Fotografia: Graham Lind
Edição: Denise Haratzis
Direção de Arte: Diann Wajon
Figurino: Paul Warren, Ariane Weiss
Guarda-Roupa: Shareen Beringer, Kate Green, Sunita Mudaliar
Maquiagem: Noreen Wilkie, Noriko Watanab, Tracey Garner
Efeitos Sonoros: Guntis Sics , Craig Carter, Livia Ruzic e outros
Efeitos Especiais: Lindsey Gault
Efeitos Visuais: Kirsty Millar, Robin Cave, Aaron Barclay e outros
Nota: 6.6
Filme Assistido em: 2001

Elenco

Rachel Griffiths Pamela Drury
David Roberts Robert Dickson
Sandy Winton Ben
Yael Stone Stacey
Shaun Loseby Douglas
Trent Sullivan Rupert
Rebecca Frith Terri
Felix Williamson Geoff
Ann Burbrook Janine
Terence Crawford Allen
Christine Stephen-Daly Deirdre
Kirstie Hutton Sally
Mariel McClorey Harriet
Frank Whitten Charlie
Adam Ray Fotógrafo
Peter Brailey Roger
Lenore Munro Sophie
Andrew Caryofyllis Harry

Indicações

Instituto Australiano de Cinema

Prêmio de Melhor Direção (Pip Karmel)

Prêmio de Melhor Roteiro Original

Prêmio de Melhor Edição

Prêmio de Melhor Atriz (Rachel Griffiths)

Sinopse

A maioria das pessoas faz coisas das quais se arrepende na vida.  Muitas delas gostariam de saber como teria sido se tivessem tomado algumas pequenas decisões de outra maneira.  

Apesar da crise por estar entrando na casa dos 30 anos, Pamela Drury tem a vida ideal de uma mulher moderna e independente.  Escritora premiada, já viajou o mundo todo, mas continua solitária e, às vezes, tem a sensação de ter perdido algo: um amor verdadeiro, por exemplo.

Há 13 anos, recusou a proposta de casamento de Robert Dickson e agora está arrependida.  No dia de seu aniversário, deprimida, tenta se suicidar na banheira do apartamento, mas fracassa.  Após uma colisão, seus mais profundos desejos vêm à tona quando se acha, inexplicavelmente, vivendo a vida de seu alter-ego: a Pamela que se casou com Robert e que hoje vive feliz da vida com o marido, três filhos e um cachorro.  É nesse ponto que os problemas começam para a arrependida Pamela.

imagem imagem imagem

Comentários

"Entre Eu e Eu Mesma" é uma ótima comédia sobre uma mulher de trinta e poucos anos e as dificuldades da vida.  A diretora Pip Karmel, que também assina o roteiro, consegue dar um ótimo ritmo à trama, o que faz com firmeza e com uma delicadeza impressionantes.  O filme coloca questões como 'o que é mais importante, a família ou a carreira?'

Rachel Griffiths é a alma do filme e nos brinda com uma ótima interpretação no papel central.  Um outro personagem interessante é seu marido Robert, interpretado por David Roberts.  Como uma boa surpresa, está a atuação dos garotos da família Dickson.

Enfim, "Entre Eu e Eu Mesma" é um filme leve, onde a história é contada com muito bom humor, interessante e agradável de ser visto.

CAA