Filmes por gênero

O TESOURO DE SIERRA MADRE (1948)

The treasure of the Sierra Madre
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: O tesouro da Serra Madre (Portugal)
Le trésor de la Sierra Madre (França, Bélgica)
Il tesoro della Sierra Madre (Itália)
El tesoro de Sierra Madre (Espanha)
Der schatz der Sierra Madre (Austria, Alemanha)
Sierra Madres skatt (Suécia)
De schat in de Sierra Madre (Holanda)
Сокровища Сьерра-Мадре (Rússia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Ação, Aventura, Drama, Faroeste
Direção: John Huston
Roteiro: John Huston
Produção: Henry Blanke
Música Original: Max Steiner, Buddy Kaye
Direção Musical: Leo F. Forbstein
Fotografia: Ted D. McCord
Edição: Owen Marks
Direção de Arte: John Hughes
Maquiagem: Perc Westmore
Efeitos Sonoros: Robert B. Lee
Efeitos Especiais: Hans F. Koenekamp, William McGann
Nota: 9.2
Filme Assistido em: 1953

Elenco

Humphrey Bogart Fred C. Dobbs
Walter Huston Howard
Tim Holt Bob Curtin
Barton MacLane Pat McCormick
Bruce Bennett James Cody
Jacqueline Dalya Srta. Lopez
Alfonso Bedoya Chapéu Dourado
Ann Sheridan Bela mulher que passa defronte à Barbearia
Arturo Soto Rangel O Presidente
Manuel Dondé O Chefe
José Torvay Pablo
Margarito Luna Pancho
Pat Flaherty Cliente no Bar
Roberto Cañedo Tenente mexicano
John Huston Americano em Tampico
Martin Garralaga Funcionário da Ferrovia
Robert Blake Garoto mexicano vendendo bilhetes de Loteria
Guillermo Calles Comerciante mexicano

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção (John Huston)

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Walter Huston)

Oscar de Melhor Roteiro (John Huston)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Walter Huston)

Prêmio de Melhor Direção (John Huston)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Direção (John Huston)

Festival Internacional de Veneza, Itália

Prêmio Internacional de Melhor Trilha Sonora (Max Steiner)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de um Melhor Roteiro de um Faroeste Americano (John Huston)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Filme

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Filme (Estados Unidos)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Ator (Walter Huston)

Festival Internacional de Veneza, Itália

Grande Prêmio Internacional (John Huston)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Roteiro de um Drama Americano (John Huston)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1925, Fred Dobbs é um americano que passa por sérias dificuldades em Tampico, para onde fugira a fim de evitar a cadeia.  Na rua, faz amizade com outro mendigo americano, Bob Curtin.

Ao verem Pat McCormick, um homem bem vestido, saindo do Hotel Bristol em companhia da bela Srta. López, os dois se dirigem até ele em busca de uns trocados.  McCormick, um empreiteiro desonesto, nega-lhes a esmola mas lhes oferece trabalho, em um local distante, a US$ 8 / dia, a serem pagos ao final da empreitada.

Ao terminarem o serviço, Dobbs e Curtin voltam à cidade para receberem o dinheiro a que têm direito.  McCormick adianta-lhes uma quantia insignificante e lhes promete pagar o restante uma hora depois.  Mais tarde, ele lhes diz que está sem dinheiro, oferecendo-lhes trabalho adicional.

Resolvendo passar a noite no Dormitório "El Oso Negro", eles conhecem Howard, um velho garimpeiro.  Este lhes fala sobre suas aventuras ao garimpar ouro, sobre o seu enriquecimento e posterior perda de tudo que conseguira amealhar.  Conta-lhes ainda sobre as possibilidades de exploração de veios de ouro nas montanhas da Sierra Madre.

Quando Dobbs e Curtin conseguem arrancar dinheiro de McCormick, e Howard ganha na loteria, os três decidem partir em busca do ouro.  Embarcando na 3ª classe de um trem, repleto de índios e mestiços, eles deixam Tampico com destino a Durango, em direção à Sierra Madre.

Liderados pelo experiente Howard, eles se embrenham na mata, conseguindo, após meses de árduo trabalho, juntar uma pequena fortuna.  À medida em extraem ouro, os olhares desses homens, entretanto, tornam-se desconfiados e, movidos pela ganância e a cobiça, passam a se encarar com reservas.

imagem

Comentários

Baseado no livro homônimo de Berwick Traven Torsvan, "O Tesouro de Sierra Madre" é mais um clássico do cinema americano.  Escrito e dirigido pelo cineasta John Huston, o filme apresenta bons momentos, como a luta em que Dobbs e Curtin lutam contra McCormick, o empreiteiro que os enganara.  Os diálogos são inteligentes.

A trilha sonora de Max Steiner é excelente.  O trabalho de Huston é consistentemente bom, recebendo merecidamente 2 Oscars, um pela direção e o outro pelo roteiro.

O elenco, por outro lado, apresenta magníficas interpretações, destacando-se os trabalhos de Walter Huston e Humphrey Bogart, seguidos dos apresentados por Tim Holt e pelo ator mexicano, Alfonso Bedoya.

CAA