Filmes por gênero

OS CAÇADORES DA ARCA PERDIDA (1981)

Raiders of the lost Ark
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Os salteadores da Arca perdida (Portugal)
Les aventuriers de l'arche perdue (França, Canadá)
I predatori dell'arca perduta (Itália)
En busca del arca perdida (Espanha)
Indiana Jones y los cazadores del arca perdida (Argentina)
Los cazadores del arca perdida (México, Peru)
Jäger des verlorenen Schatzes (Alemanha)
Jakten på den försvunna skatten (Suécia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Ação, Aventura
Direção: Steven Spielberg
Roteiro: Lawrence Kasdan
Produção: Frank Marshall
Design Produção: Norman Reynolds
Música Original: John Williams
Direção Musical: Lionel Newman
Fotografia: Douglas Slocombe
Edição: Michael Kahn, George Lucas
Direção de Arte: Leslie Dilley
Figurino: Deborah Nadoolman
Guarda-Roupa: Ian Hickinbotham, Sue Wain, Rita Wakely
Maquiagem: Tom Smith, Chris Walas, Richard Mills
Efeitos Sonoros: Gregg Landaker, Bill Varney, Steve Maslow, Roy Charman
Efeitos Especiais: Michael Dawson, Kit West, Bill Warrington
Efeitos Visuais: Richard Edlund, Kit West, Bruce Nicholson, Joe Johnston
Nota: 9.0
Filme Assistido em: 1982

Elenco

Harrison Ford Indiana 'Indy' Jones
Karen Allen Marion Ravenwood
Paul Freeman Dr. René Belloq
Ronald Lacey Major Toht
John Rhys-Davies Sallah
Denholm Elliott Dr. Marcus Brody
Alfred Molina Satipo
Wolf Kahler Cronel Dietrich
Anthony Higgins Gobler
Don Fellows Coronel Musgrove
William Hootkins Major Eaton
Fred Sorenson Jock
Matthew Scurfield Nazista
Christopher Frederick Otto
Tutte Lemkow Imam
Ishaq Bux Omar
Kiran Shah Abu
Souad Messaoudi Fayah
Steve Hanson Agente alemão
Frank Marshall Piloto
George Harris Katanga
Vic Armstrong Soldado alemão
Darin Chambers Soldado alemão
Peter Diamond Soldado alemão
Dennis Muren Espião nazista no avião
Michael Sheard Capitão do U-Boat

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção de Arte - Decoração de Cenários (Norman Reynolds, Leslie Dilley, Michael Ford )

Oscar de Melhores Efeitos Sonoros (Bill Varney, Steve Maslow, Gregg Landaker, Roy Charman )

Oscar de Melhor Edição (Michael Kahn)

Oscar de Melhores Efeitos Visuais (R. Edlund, Kit West, B. Nicholson, Joe Johnston)

Prêmio Especial de Melhor Edição de Som (Ben Burtt, Richard Anderson)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhores Design de Produção / Direção de Arte (Norman Reynolds)

Academia de Filmes de Ficção Científica, Fantasia e Horror, USA

Prêmio de Melhor Filme de Fantasia

Prêmio de Melhor Atriz (Karen Allen)

Prêmio de Melhor Ator (Harrison Ford)

Prêmio de Melhor Direção (Steven Spielberg)

Prêmio de Melhor Roteiro (Lawrence Kasdan)

Prêmio de Melhor Música (John Williams)

Prêmio de Melhores Efeitos Especiais (Richard Edlund)

Sociedade dos Críticos de Cinema de Boston

Prêmio de Melhor Direção (Steven Spielberg)

Prêmios Hugo

Hugo de Melhor Apresentação Dramática (Steven Spielberg, Lawrence Kasdan, George Lucas)

Prêmios Júpiter, Alemanha

Prêmio Júpiter de Melhor Ator Internacional (Harrison Ford)

Prêmio Jupiter de Melhor Filme Internacional (Steven Spielberg)

Círculo dos Críticos de Cinema de Kansas City, USA

Prêmio de Melhor Filme

Prêmios para Jovens Artistas, EUA

Prêmio de Melhor Filme para a Família

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Filme (Frank Marshall)

Oscar de Melhor Direção (Steven Spielberg)

Oscar de Melhor Fotografia (Douglas Slocombe)

Oscar de Melhor Trilha Sonora (John Williams )

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Denholm Elliott)

Prêmio Anthony Asquith de Melhor Música (John Williams )

Prêmio de Melhor Fotografia (Douglas Slocombe)

Prêmio de Melhor Edição (Michael Kahn)

Prêmio de Melhores Efeitos Sonoros (Roy Charman, Ben Burtt, Bill Varney)

Prêmios César - Academia das Artes do Cinema, França

César de Melhor Filme Estrangeiro (Steven Spielberg)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Direção (Steven Spielberg)

Academia de Filmes de Ficção Científica, Fantasia e Horror, USA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Paul Freeman)

Prêmio de Melhor Figurino (Deborah Nadoolman)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Steven Spielberg)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Comédia Escrita Diretamente Para O Cinema (Lawrence Kasdan, George Lucas, Philip Kaufman)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1936, ao voltar de uma viagem pela América do Sul, o professor de arqueologia, Indiana Jones, é contratado pelo Governo dos EUA para encontrar a Arca da Aliança que, segundo as escrituras, conteria "Os Dez Mandamentos" que Moisés trouxe do Monte Horeb.  Mas como a lenda diz que o exército que a possuir será invencível, Indiana Jones terá um adversário de peso na busca pela arca perdida: o próprio Adolf Hitler.    

Indiana vai até o Nepal, em busca de um antigo parceiro que possui uma relíquia que mostra o local em que a Arca fora enterrada no Egito.  Lá, fica sabendo que seu amigo morreu e que o medalhão agora encontra-se com Marion Ravenwood, sua filha, que ainda se acha amarga por conta de um fracassado caso que tivera com Indiana.

Logo em seguida, o agente alemão, Cronel Dietrich, chega ao local para roubá-lo.  Isso faz com que Marion decida fugir com Indy para o Cairo.  No Egito, eles têm a ajuda de Sallah, mas vão ter que enfrentar um velho concorrente de Indy, o arqueólogo francês Dr. René Belloq, contratado pelos nazistas para localizar a Arca.

Assim, na companhia de sua decidida e independente ex-namorada, e contando com o apoio de Sallah, o professor de arqueologia embarca em uma empolgante missão para localizar o "Poço das Almas", onde a mística Arca repousa a séculos.  Em seu encalço, encontram-se sempre Belloq e os nazistas.

Ao ser localizado o "Poço das Almas", com a ajuda dos homens de Sallah, Indy começa a excavar o local a fim de ter acesso à Arca.  Ao amanhecer, ela é encontrada, colocada sobre um engradado de madeira e alçada para fora do poço com o auxílio de cordas.  É quando chega Belloq, com Marion dominada, que é empurrada para dentro do poço.

Belloq e os nazistas, agora de posse da Arca, partem em direção ao Cairo.  Enquanto isso, Indy e Marion lutam para escapar da armadilha em que caíram e se livrarem de centenas de cobras existentes no local.  Uma vez livres, começam uma intensa caçada a Belloq e seus aliados e terminam dominando o caminhão que transporta a Arca.

Ao chegarem ao Cairo, com a ajuda de Sallah e seus homens, Indy e Marion embarcam para Londres em um navio conduzindo a Arca.  Na manhã seguinte, ao sentir que os motores da embarcação se acham desligados, Indy sobe ao convés onde descobre que o navio havia sido dominado por um submarino alemão e que a Arca está sendo transferida para o mesmo.  Marion é dominada e levada para o submarino.

Os nazistas partem em direção a uma Base existente numa ilha do Mar Egeu.  Na última hora, Indy consegue pegar o submarino.  Depois de dominar um soldado alemão, ele veste seu uniforme e segue disfarçado.

Uma vez na Base, Indy tenta resgatar Marion e termina preso.  Os dois são amarrados em um poste.  Em seguida, Belloq explica ao comandante que, antes de ser enviada a Hitler, a Arca deve ser aberta seguindo um determinado ritual.

Ao ser aberta, a Arca liberta um feixe de luz fortíssimo seguido de explosões e chamas, matando a todos que se achavam próximos, inclusive Belloq.  Essa força liberada é revertida, sendo sugada de volta pela arca que, em seguida, é automaticamente lacrada.

De volta a Washington, Indy é cumprimentado por dois oficiais da Inteligência, enquanto a Arca é guardada num Armazém do Governo.

Ao sair do Edifício, Indy comenta com Marion: "Tolos burocráticos.  Eles não sabem o que conseguiram"...

imagem imagem imagem

Comentários

"Os Caçadores da Arca Perdida" é um excelente filme de ação / aventura, daqueles de tirar o fôlego do espectador.  Realizado pelo grande cineasta, Steven Spielberg, o filme apresenta um ritmo perfeito e magníficas interpretações. 

Embora nenhum ator tenha sido indicado ao Oscar, não consigo imaginar um outro grupo fazendo um melhor trabalho.  A química entre Harrison Ford e Karen Allen é perfeita.  Do elenco, merecem ainda destaques as atuações de Paul Freeman, no papel do Dr. René Belloq, e Wolf Kahler, como o agente alemão, Dietrich.

Adicionalmente, o filme apresenta ainda uma excelente fotografia, uma bela trilha sonora, um bom trabalho de edição, magníficos efeitos visuais e, obviamente, a direção segura e consistente de Spielberg.

CAA