Filmes por gênero

O MORRO DOS VENTOS UIVANTES (1939)

Wuthering Heights
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: O monte dos vendavais (Portugal)
Les hauts de Hurlevent (França, Bélgica)
La voce nella tempesta (Itália)
Cumbres borrascosas (Espanha, Argentina, México)
Stürmische höhen (Alemanha)
Svindlande höjder (Suécia)
Wichrowe wzgórza (Polônia)
Грозовой перевал (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: William Wyler
Roteiro: Ben Hecht, Charles MacArthur
Produção: Samuel Goldwyn
Design Produção: James Basevi
Música Original: Alfred Newman
Coreografia: Jack Crosby
Fotografia: Gregg Toland
Edição: Daniel Mandell
Figurino: Omar Kiam
Maquiagem: Robert Stephanoff
Efeitos Sonoros: Paul Neal
Efeitos Visuais: W. Percy Day
Nota: 9.3
Filme Assistido em: 1950

Elenco

Merle Oberon Catherine 'Cathy' Linton
Laurence Olivier Heathcliff
David Niven Edgar Linton
Donald Crisp Dr. Kenneth
Geraldine Fitzgerald Isabella Linton
Flora Robson Ellen Dean
Cecil Kellaway Sr. Earnshaw
Leo G. Carroll Joseph Earnshaw
Miles Mander Sr. Lockwood
Douglas Scott Hindley, quando criança
Hugh Williams Hindley Earnshaw
Cecil Humphreys Juiz Linton
Sarita Wooton Cathy, quando criança
Rex Downing Heathcliff, quando criança
Frank Benson Criado de Heathcliff
Vernon Downing Giles
Helena Grant Srta. Hudkins
Eric Wilton Criado de Linton
Alice Ehlers Madame Ehlers
Romaine Callender Robert
Harold Entwistle Beadle

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Fotografia em Preto e Branco (Gregg Toland)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Filme

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção (William Wyler)

Oscar de Melhor Roteiro (Ben Hecht, Charles MacArthur)

Oscar de Melhor Direção de Arte (James Basevi)

Oscar de Melhor Filme (Samuel Goldwyn Productions)

Oscar de Melhor Ator (Laurence Olivier)

Oscar de Melhor Trilha Sonora (Alfred Newman )

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Geraldine Fitzgerald)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Um caminhante, chamado Lockwood, é apanhado pela neve e se vê forçado a se abrigar na propriedade 'Wuthering Heights', onde a governanta, Ellen Dean, senta-se para lhe contar a história do local.

Assim, em flashbacks, o filme volta ao início do século XIX, quando o proprietário original de 'Wuthering Heights', Joseph Earnshaw, traz para casa um órfão de Liverpool chamado Heathcliff.  Embora o filho legítimo de Joseph, Hindley, despreze o garoto, sua filha, Cathy, desenvolve uma grande afeição por Heathcliff que evolui para uma paixão.

Quando o Sr. Earnshaw morre, Hindley obriga Heathcliff a trabalhar como um criado.  Surge, então, Edgar Linton, um rico vizinho, que pede a mão de Cathy.  Enciumado, Heathcliff vai embora, enquanto Cathy se casa com Edgar.

Anos mais tarde, agora um homem rico e sofisticado, Heathcliff retorna em busca de vingança.  Compra 'Wuthering Heights' do alcoólatra Hindley e se casa com a irmã de Edgar, Isabella Linton.  Ainda obsessivamente apaixonados um pelo outro, Cathy termina gravemente doente, enquanto Heathcliff se torna uma pessoa extremamente amarga.

Voltando ao presente, Ellen continua a contar a história a Lockwood, quando o Dr. Kenneth entra e decide revelar o final fatídico da história.

imagem

Comentários

"O Morro dos Ventos Uivantes" é um dos grandes clássicos do cinema mundial.  Com a magistral direção de William Wyler, essa imortal adaptação do famoso romance de Emily Bronte nos conta uma história que fala de amor, paixão, ciúme, ódio e vingança.

Partindo de um ótimo roteiro e contando com a excelente trilha sonora de Alfred Newman, Wyler realiza essa obra-prima, envolvente em cada detalhe.

Para completar, o elenco apresenta grandes atuações:  Olivier está perfeito como Heathcliff, expressando magnificamente seus diversos sentimentos através do tom de sua voz e de expressões faciais;  Merle Oberon está extraordinária como Cathy, conseguindo capturar e passar a dualidade de sua personalidade;  Flora Robson, David Niven e, especialmente, Geraldine Fitzgerald, como coadjuvantes, também estão ótimos.  Aliás, até as crianças têm uma boa atuação.

CAA