Filmes por gênero

O PATRIOTA (2000)

The Patriot
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Der Patriot (Alemanha)
El patriota (Espanha, Argentina)
Il patriota (Itália)
The patriot: Le chemin de la liberté (França)
Le patriote (Canadá francês)
Pais: Alemanha, Estados Unidos
Gênero: Ação, Drama, Guerra
Direção: Roland Emmerich
Roteiro: Robert Rodat
Produção: Gary Levinsohn, Mark Gordon, Dean Devlin
Design Produção: Kirk M. Petruccelli
Música Original: John Williams
Fotografia: Caleb Deschanel
Edição: David Brenner
Direção de Arte: Barry Chusid
Figurino: Deborah Lynn Scott
Guarda-Roupa: Paul Lopez, Amy Andrews, Diane Crooke e outros
Maquiagem: Wendy Bell, Patty York, Anita Brabec, Thomas Nellen
Efeitos Sonoros: Kevin O'Connell , Greg P. Russell, Lee Orloff e outros
Efeitos Especiais: Terry Chapman, Jens Döldissen, David Hill e outros
Efeitos Visuais: Thomas Dadras, Conny Fauser, Alyssa Fong e outros
Nota: 7.7
Filme Assistido em: 2001

Elenco

Mel Gibson Benjamin Martin
Heath Ledger Gabriel Martin
Joely Richardson Charlotte Selton
Jason Isaacs William Tavington
Chris Cooper Harry Burwell
Lisa Brenner Anne Patricia Howard
Tchéky Karyo Jean Villeneuve
Tom Wilkinson Charles Cornwallis
Donal Logue Dan Scott
Leon Rippy John Billings
Adam Baldwin Capt. Wilkins
Joey D. Vieira Peter Howard
Gregory Smith Thomas Martin
Mika Boorem Margaret Martin
Skye McCole Bartusiak Susan Martin
Trevor Morgan Nathan Martin
Bryan Chafin Samuel Martin
Logan Lerman William Martin
Jamieson Price Capt. Bordon
Peter Woodward Charles O'Hara
Grahame Wood Tenente
Hank Stone Rollins
Jack Moore Curly
Terry Layman Gen. George Washington
Andy Stahl Gen. Nathanel Greene

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Fotografia

Oscar de Melhor Trilha Sonora

Oscar de Melhores Efeitos Sonoros

Círculo de Críticos de Cinema de Londres, Inglaterra

Prêmio Ator Coadjuvante Britânico do Ano (Jason Isaacs)

Sinopse

Carolina do Sul - 1776.  Ex-herói da guerra franco-indiana, Benjamin Martin deixou de vez para trás a luta armada para criar sua família em paz.  Considerado um soldado astuto, eficiente e bravo, ele casa-se com uma mulher de boa família que lhe dá sete filhos e, influenciado por ela, troca seu passado violento por um futuro pacífico em sua extensa fazenda.

Mas uma rebelião está em curso. Desta vez, o conflito com a Grã-Bretanha, é inevitável.  Agora, como homem dedicado exclusivamente à família, Martin não está disposto a retornar aos campos de batalha.  Viúvo recente, ele tem objetivos diferentes, pois tornou-se o único a zelar pelo bem de sua prole.  Além disso, os horrores das lutas do passado ainda o torturam. "Se estão me perguntando se eu estaria disposto a lutar na guerra contra a Grã-Bretanha, a resposta é não.  Já estive na guerra e não tenho nenhuma intenção de fazê-lo novamente", declara Martin em seu discurso emocionado diante do Congresso de Charleston. "Minha esposa morreu. Tenho sete filhos. Quem olhará por eles se eu for à guerra?"

Entretanto, o filho primogênito de Benjamin, Gabriel, pensa de maneira diferente.  Os discursos radicais e a panfletagem ideológica que têm início nas capitais e nos bancos das igrejas e que logo chegam a todas as colônias, causam uma forte impressão no rapaz.  A guerra irá eclodir e sua causa, segundo ele, é justa.  Desafiando seu pai, Gabriel junta-se às tropas revolucionárias americanas.

Benjamin Martin enfrenta com isso um terrível dilema.  Mesmo sendo um antibelicista ferrenho, ele acredita na causa da independência.  É quando um regimento britânico, sob o comando do cruel Coronel Tavington, chega às portas da sua fazenda, pondo em risco tudo aquilo que ele mais preza - sua família.   Com sua casa na Carolina do Sul ameaçada, Martin concorda em ir à guerra ao lado do filho patriota e idealista e lidera o destemido exército revolucionário na luta contra as devastadoras e cruentas tropas britânicas.

Ao final, este herói involuntário descobre que o único modo de proteger sua família é engajando-se na luta pela independência de sua jovem nação.

imagem imagem imagem

Comentários

"O Patriota" é um filme muito bom, que trata da história de um homem que reluta em aderir à guerra contra a Inglaterra, pela independência da colônia americana, até que a tragédia se abate sobre sua família.

Realizado pelo cineasta alemão Roland Emmerich, e contando com um roteiro bem estruturado, o filme é bem feito a ponto do espectador não sentir as quase 3 horas de duração.  Apresentando alguns clichês, os mesmos não chegam a interferir na narrativa.  As cenas das batalhas são fortes, mas muito bem realizadas.

A fotografia de Caleb Deschanel é maravilhosa, o mesmo ocorrendo com a trilha sonora de John Williams.  O filme apresenta, ainda, um esmerado figurino e boas atuações, com destaques para Mel Gibson, Heath Ledger e Jason Isaacs.

CAA