Filmes por gênero

OS DOZE CONDENADOS (1967)

The dirty dozen
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Os doze indomáveis patifes (Portugal)
Les douze salopards (França)
Douze salopards (Bélgica, Canadá)
Quella sporca dozzina (Itália)
Doce del patíbulo (Espanha, Argentina, México)
Das dreckige Dutzend (Austria, Alemanha)
12 fördömda män (Suécia)
Det beskidte dusin (Dinamarca)
Грязная дюжина (Rússia)
Pais: Reino Unido, Estados Unidos
Gênero: Drama, 2ª Guerra Mundial
Direção: Robert Aldrich
Roteiro: Nunnally Johnson, Lukas Heller
Produção: Kenneth Hyman, Raymond Anzarut
Música Original: Frank De Vol
Fotografia: Edward Scaife
Edição: Michael Luciano
Direção de Arte: William Hutchinson
Guarda-Roupa: Robert Armbruster
Maquiagem: Ernest Gasser, Wally Schneiderman
Efeitos Sonoros: John Poyner, Franklin Milton, Claude Hitchcock
Efeitos Especiais: Cliff Richardson
Nota: 8.3
Filme Assistido em: 1968

Elenco

Lee Marvin Maj. John Reisman
Ernest Borgnine Maj. Gen. Worden
Charles Bronson Joseph Wladislaw
Robert Ryan Cel. Everett Dasher Breed
Donald Sutherland Vernon Pinkley
Jim Brown Robert Jefferson
John Cassavetes Victor Franko
Richard Jaeckel Sgt. Clyde Bowren
George Kennedy Maj. Max Armbruster
Telly Savalas Archer Maggott
Trini López Pedro Jimenez
Ralph Meeker Capt. Stuart Kinder
Clint Walker Samson Posey
Robert Weber Brig. Gen. Denton
Tom Busby Milo Vladek
Ben Carruthers Glenn Gilpin
Stuart Cooper Roscoe Lever
Robert Phillips Cabo Carl Morgan
Colin Maitland Seth Sawyer
Al Mancini Tassos Bravos
George Roubicek Soldado Arthur James Gardner
Dora Reisser Garota do Oficial alemão
Thick Wilson Assistente do General Worden
George Hilsdon Oficial médico
Lewis Alexander Oficial alemão
Michael Anthony Oficial alemão
Leo Britt General alemão
Gerry Crampton Clayton
Ann Lancaster Prostituta
Suzanne Owens-Duval Prostituta

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhores Efeitos Sonoros (John Poyner )

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator em um Filme de Ação (Lee Marvin)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (John Cassavetes)

Oscar de Melhor Gravação de Som

Oscar de Melhor Edição (Michael Luciano)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (John Cassavetes)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Robert Aldrich)

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Filme de Ação - Drama

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante (John Cassavetes)

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante (Jim Brown)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em março de 1944, pouco antes da invasão da Normandia pelas tropas aliadas, o Alto Comando Americano decide realizar uma verdadeira missão suicida, cuja finalidade é fazer o maior número de baixas de oficiais nazistas que se acham reunidos, com suas amantes, num castelo francês.

Encarregado da operação, o major-general Worden escolhe o major John Reisman para chefiar a missão.  Reisman está para enfrentar uma Corte Marcial, por insubordinação, e lhe é dito que, no caso da operação ser vitoriosa, as acusações que pesam sobre ele serão retiradas.  Ele vê nessa missão sua única chance de salvar sua carreira.

O trabalho começa com a escolha, num presídio militar de segurança máxima, de doze condenados à morte ou a penas de mais de 20 anos.   Se os "voluntários" sobreviverem, suas penas serão igualmente comutadas.  Os doze homens escolhidos haviam cometido assassinatos, estupro e outros crimes violentos.

Com a ajuda do Sgt. Clyde Bowren, Reisman treina o grupo. Ao término do período de trinamento, que inclui jogos de guerra, os homens estão aptos a lutar como uma unidade, onde a cooperação é o ponto mais forte.

De acordo com o plano pré-estabelecido, o grupo salta de pára-quedas por trás das linhas inimigas e inicia a operação de tomar o castelo e matar seus ocupantes, principalmente os oficiais nazistas.  A batalha é muito dura, com várias baixas, mas a missão é finalmente cumprida.

Os sobreviventes tornam-se heróis e têm suas fichas limpas.  Os mortos recebem a distinção de terem sacrificado suas vidas em combate pela pátria.

imagem imagem imagem

Comentários

Baseado na obra de E. M. Nathanson, "Os Doze Condenados" é um dos mais populares filmes sobre a 2ª Guerra Mundial.  As cenas de combate são muito bem coreografadas.

Realizado pelo cineasta Robert Aldrich, que faz um belo trabalho, "Os Doze Condenados" conta ainda com um magnífico roteiro, assinado por Nunnally Johnson e Lukas Heller, e com um elenco de primeira grandeza.

Lee Marvin realiza um dos melhores papéis de sua carreira, assim como, John Cassavetes.  Telly Savalas, Donald Sutherland e Charles Bronson também estão bem em seus respectivos papéis.

CAA