Filmes por gênero

AS PONTES DE TOKO-RI (1954)

The bridges at Toko-Ri
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Les ponts du Toko-Ri (França, Bélgica, Canadá)
I ponti di Toko Ri (Itália)
Los puentes de Toko-Ri (Espanha, Argentina)
Die brücken von Toko-Ri (Alemanha, Austria)
Broarna vid Toko-Ri (Suécia)
Broerne ved Toko-Ri (Dinamarca)
Mosty Toko-Ri (Polônia)
Мосты у Токо-Ри (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Guerra da Coréia, Melodrama
Direção: Mark Robson
Roteiro: Valentine Davies
Produção: George Seaton, William Perlberg
Música Original: Lyn Murray
Fotografia: Loyal Griggs
Edição: Alma Macrorie
Direção de Arte: Hal Pereira, Henry Bumstead
Figurino: Edith Head
Maquiagem: Wally Westmore
Efeitos Sonoros: Hugo Grenzbach, Gene Garvin
Efeitos Especiais: John Fulton, Farciot Edouart, W. Wallace Kelley
Efeitos Visuais: Paul K. Lerpae
Nota: 8.4
Filme Assistido em: 1955

Elenco

William Holden Tenente Harry Brubaker
Grace Kelly Nancy Brubaker
Fredric March Almirante George Tarrant
Mickey Rooney Mike Forney
Robert Strauss Beer Barrel
Charles McGraw Comandante Wayne Lee
Keiko Awaji Kimiko
Earl Holliman Nestor Gamidge
Richard Shannon Tenente Olds
Willis Bouchey Capitão Evans
Paul Kruger Capitão Parker
Charles Tannen Major PM
Dennis Weaver Oficial de Inteligência
Gene Reynolds Oficial CIC
James Jenkins Oficial Assistente
Nadine Ashdown Cathy Brubaker
Cheryl Callaway Susie Brubaker
Burt Metcalfe Sargento da Polícia Militar
Marshall U. Beebe Piloto
Dick Morris Piloto
Leo Needham Piloto
Roger Pace Piloto
Dickie Jones Piloto

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhores Efeitos Especiais

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Edição (Alma Macrorie)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Mark Robson)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

O Ten. Harry Brubaker foi um grande piloto da marinha americana durante a 2ª Guerra Mundial.  Retornando à vida civil, Brubaker casa-se com Nancy e, com ela, tem duas lindas filhas.  Em 1952, a Guerra da Coréia faz com que ele volte à ação contra sua vontade.

Certo dia, ao retornar de uma missão aérea, seu avião fica sem combustível e ele se vê obrigado a fazer um pouso de emergência sobre o Pacífico.  Mike Forney, piloto de um helicóptero, consegue resgatá-lo das águas geladas do oceano e trazê-lo de volta ao porta-aviões chefe da Força Tarefa.

Nancy e as crianças conseguem autorização para passarem alguns dias no Japão, de modo que o Alm. George Tarrant concede uma licença de uma semana para que Harry visite sua família.  No momento em que o porta-aviões chega a uma Base Naval, Nancy o aguarda no cais.  Os dois seguem para o hotel onde se encontram com as crianças.  Mais tarde, quando o casal encontra-se no Lobby, chega o Alm. Tarrant que se junta a eles.  Logo depois, Harry é procurado por Nestor Gamidge, que lhe pede para ir até Tóquio, a 97 km de distância, tentar tirar Mike Forney da cadeia, por ter se metido numa briga.  Achando que deve sua vida a Mike, que o salvou das águas geladas do Pacífico, Harry deixa a família e segue para a capital japonesa.  Enquanto isso, Nancy e o almirante jantam juntos, oportunidade em que o oficial lhe fala da difícil missão que o marido dela vai ter que enfrentar ao retornar à Coréia: participar da destruição das Pontes de Toko-Ri sob intenso fogo antiaéreo.  Quando Harry retorna de Tóquio, pela primeira vez os Brubakers discutem uma das missões de Harry.

De volta à Coréia, o Comandante Lee e Brubaker fazem um primeiro vôo de reconhecimento para filmarem as pontes a serem destruídas, a fim de que os demais pilotos que participarão da perigosa missão possam melhor estudar cada um de seus detalhes.

Ao regressarem, Lee promove uma reunião com todos os 12 oficiais que comporão as três divisões a participar do ataque à Toko-Ri, ficando claro quem atacará as baterias antiaéreas, quem será responsável pelas pontes localizadas a oeste, quem se encarregará das que se acham a leste e quem fará um relatório sobre o resultado de cada um dos ataques.

A missão é coberta de pleno êxito e Lee ordena a todos que sigam para o alvo secundário da missão, a destruição de um depósito de combustível localizado em Tok-Tong.  O novo bombardeio é também um sucesso, exceto para Harry que, voando muito próximo das áreas atingidas, tem seu jato perfurado, passando a perder bastante combustível.  Lee passa a voar a seu lado até encontrar um local onde Harry possa tentar um pouso de emergência por trás das linhas inimigas.

Em seguida, Mike Forney e Nestor Gamidge são acionados para resgatarem Harry.  O helicóptero deles consegue pousar a poucos metros do local onde Harry se encontra mas, a essa altura, tropas inimigas avançam em grande número, matando todos os três militares.

imagem

Comentários

Baseado num episódio real, conhecido como "A Batalha do Canyon Carlson", "As Pontes de Toko-Ri" é um bom filme sobre a Guerra da Coréia.  Realizado pelo cineasta  Mark Robson, a partir de um roteiro assinado por Valentine Davies, o filme narra uma missão levada a efeito pela aviação naval americana com a finalidade de destruir quatro pontes estratégicas na Coréia do Norte, a fim de cortarem o suprimento das forças inimigas em seu caminho para o front.

Robson realiza um trabalho consistentemente bom, do início ao fim, contando com a bela fotografia de  Loyal Griggs e com a equipe de efeitos especiais, esta ganhadora do Oscar por seu trabalho neste filme.  As cenas aéreas, com os jatos em formação e em posição de ataque são realizadas com bastante profissionalismo pelos operadores de câmera.  O cineasta também procura fazer uma observação de perto do que se passa pela mente dos homens envolvidos, de suas atitudes, de suas relações com suas famílias.

No elenco, os grandes destaques são as atuações sólidas de William Holden e Fredric March, seguidas pelos trabalhos de Mickey Rooney, Grace Kelly e Earl Holliman.

CAA