Filmes por gênero

BELA DONNA (1998)

imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Pais: Brasil, Estados Unidos
Gênero: Melodrama
Direção: Fábio Barreto
Roteiro: Fábio Barreto, José Almino, Amy Ephron
Produção: Lucy Barreto, Luiz Carlos Barreto
Design Produção: Hélio Eichbauer
Música Original: Dori Caymmi
Coreografia: Carlinhos Araújo
Fotografia: Félix Monti
Edição: Caroline Biggerstaff, Virginia Flores
Direção de Arte: Hélio Eichbauer
Figurino: Diana Eichbauer
Guarda-Roupa: Cecilia Vianka, Reka Koves, Marta Carvalho
Maquiagem: Guilherme Pereira, Luis Michelotti, Wilson Pimenta
Efeitos Especiais: André Fuentes
Efeitos Visuais: Deborah Irwin, Jená Burke, Jeff Nicholson
Nota: 5.2
Filme Assistido em: 1999

Elenco

Andrew McCarthy Frank
Nildo Parente Padre Jorge
Guilherme Karan Silva
Sophie Ward Lídia
Arduíno Colassanti Comandante
Odilon Wagner John
Jurandir de Oliveira Juca
Letícia Sabatella Benta
Ângelo Antônio Tonho
Mariana Pellegrino Barreto Donna, quando criança
Eduardo Moscovis
Natasha Henstridge Donna
Florinda Bolkan Mãe Ana
Rita Martins Rita
Domingos Alcântara Zé Divina
Jackson Costa Afrânio
Charles Paraventi Dr. Farina
Karla Sabah Crooner

Sinopse

No final da década de 30, Frank chega ao vilarejo de Morro Branco, no exuberante litoral cearense, com sua jovem esposa, Donna, para trabalhar em um empreendimento petrolífero. Apesar das diferenças culturais, Donna integra-se rapidamente à paisagem e aos hábitos da região.  Para Frank, no entanto, a vida no novo país é uma decepção.

Em suas andanças pela praia, Donna conhece Nô, um pescador jovem atraente e sorridente.  De fato, ele se destaca da comunidade não só pela condição de favorito das mulheres, como pelo seu passado aventureiro.  Ele já viajou muito como embarcadiço, fala inglês e está ali de volta, de férias, para rever os amigos e a família.  Nô é filho de Mãe Ana, espécie de líder religiosa da comunidade, uma "força da terra", tão temida quanto respeitada.

Donna e Nô se apaixonam.  Para Nô, ela é o sonho tornado realidade e, apesar de muitas aventuras amorosas, é tomado por um sentimento até então desconhecido.  Para Donna, ele é a possibilidade de um amor mais livre e arrebatador, como a natureza que a cerca.  Mãe Ana não aprova o envolvimento do filho com a estrangeira e prevê que desta ligação só poderá vir "coisa ruim".

Em uma comunidade tão pequena, o romance dos dois em pouco tempo gera comentários.  O pescador Tonho aproxima-se de Frank, faz revelações a respeito de Donna e Nô, e propõe a solução do "caso" através de um matador de aluguel.

Os acontecimentos levam a um desfecho surpreendente, que deixará marcada para sempre a vida em Morro Branco.

imagem imagem imagem

Comentários

"Bela Donna" é um filme fraco, baseado no romance "Riacho Doce" de José Lins do Rego.  Realizado por  Fábio Barreto, o filme parte de um roteiro mal elaborado e, com uma direção pouco inspirada  (ao contrário do ótimo "O Quatrilho"), deixa a desejar.

Com locações na bela praia de Canoa Quebrada, no Ceará, as cenas externas mostram as belas paisagens da região.

No elenco, não há grandes destaques a registrar.  A bela Natasha Henstridge proporciona algumas cenas de sexo com Moscovis.

CAA