Filmes por gênero

E AGORA BRILHA O SOL (1957)

The sun also rises
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: ... E o sol também brilha (Portugal)
Le soleil se lève aussi (França)
Il sole sorgerà ancora (Itália)
Fiesta (Espanha)
Zwischen Madrid und Paris (Alemanha)
El sol sale para todos (Venezuela)
Y ahora brilla el sol (Uruguai)
Och solen har sin gång (Suécia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: Henry King
Roteiro: Peter Viertel
Produção: Darryl F. Zanuck
Música Original: Hugo Friedhofer
Direção Musical: Lionel Newman
Fotografia: Leo Tover
Edição: William Mace
Direção de Arte: Lyle R. Wheeler, Mark-Lee Kirk
Guarda-Roupa: Charles LeMaire
Maquiagem: Jack Obringer
Efeitos Sonoros: Bernard Freericks, Frank Moran
Nota: 7.0
Filme Assistido em: 1960

Elenco

Ava Gardner Lady Brett Ashley
Tyrone Power Jake Barnes
Mel Ferrer Robert Cohn
Errol Flynn Mike Campbell
Eddie Albert Bill Gorton
Juliette Gréco Georgette Aubin
Gregory Ratoff Conde Mippipopolous
Marcel Dalio Zizi
Henry Daniell Médico
Bob Cunningham Harris
Danik Patisson Marie
Robert Evans Pedro Romero
Eduardo Noriega Sr. Braddock
Jacqueline Evans Sra. Braddock
Carlos Múzquiz Juanito Montoya
Rebeca Iturbide Frances
Carlos David Ortigosa Irmão de Romero
Lilia Guízar Secretária de Jake
Lee Morgan Americano na Tourada
Ricardo Adalid Black Garçom espanhol
Alberto Pedret Motorista do Conde
Claudia Eckert Noonan Esposa do Barman
Ann Codee Mme. Blanche

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

No final da 1ª Guerra Mundial, Jake Barnes, um soldado americano servindo na Itália, decide permanecer na Europa e retomar sua carreira de jornalista no escritório do Herald em Paris, juntando-se à legião de estrangeiros que freqüenta a “Rive Gauche”. Certo dia, Robert Cohn, um abastado jovem que aspira ser um romancista, faz uma visita a Jake em seu Escritório. Sofrendo de tédio, Robert tenta persuadi-lo a acompanhá-lo em uma viagem à América do Sul, mas Jake já havia planejado ir à Espanha.

No parque, Jake toma um drinque com Georgette Aubin, uma prostituta, após o que a convida para jantar. À medida que as horas passam, Georgette se pergunta por que Jake não demonstra interesse sexual por ela, mas no fim ele lhe explica que foi ferido na guerra. Em seguida, num clube de dança, ele encontra por acaso Robert e, jocosamente, apresenta Georgette a um grosseiro casal americano. Quando Lady Brett Ashley entra no salão, Robert fica atordoado por sua beleza.

Ignorando Robert, Brett cumprimenta Jake e o convida para dançar. Enquanto dançam, ela confessa que o ama e lhe pede para que saiam juntos. Após tomarem um taxi, os dois se beijam e ela anuncia que planeja se casar com Mike Campbell, um rico escocês. Ao pararem em outro bar, Jake e Brett voltam a se encontrar com Robert. Questionado por este sobre Brett, Jake responde que ela é uma americana, cujo marido inglês foi morto durante a guerra, e o adverte ser ela uma nômade que vive se embriagando.

Naquela noite, ao se deitar em sua cama e olhar para o teto, Jake sonha com seu ferimento de guerra, pouco antes da cirurgia a que foi submetido, tendo como sua última imagem antes de ser anestesiado, a de Brett, em uniforme de enfermeira, confortando-o. Ao longo de sua convalescença, ela permaneceu ao seu lado até que, ao descobrir que seu ferimento o deixou impotente, ele procurou se afastar dela. Jake é então despertado de seu sonho pela voz de Brett e, quando se levanta, verifica que ela se encontra à sua porta em companhia do Conde Mippipopolous, um admirador, trazendo champanhe para um brinde. Depois do brinde, o casal se despede e se retira.

Na manhã seguinte, o agitado amigo de Jake, Bill Gorton, chega à Paris para acompanhá-lo em sua ida à Espanha. Ao chegarem à Pamplona, para a corrida de touros, Jake descobre que Robert, Brett e Mike também se encontram por lá. Quando o grupo se reúne para assistir à descarga dos touros, Jake reclama de Brett por ter apanhado Robert em San Sebastian. Por outro lado, Mike, bêbado e enciumado, declara agressivamente que se acha falido e insulta Robert.

No dia seguinte, durante a famosa corrida de touros, Mike, embriagado, acena para um dos touros com um de seus cheques sem fundos. Em seguida, já na praça de touros, o jovem toureiro Pedro Romero faz um gesto especial para Brett. Mais tarde, no bar do hotel, Jake convida Pedro para se juntar a eles em um brinde, ocasião em que Brett expressa sua admiração pelo seu talento. Depois que Mike volta a insultar Robert, Brett confidencia a Jake que se deu conta que Mike não é o homem certo para ela. Logo depois, ela se queixa que Mike e Robert estão se comportando mal, ocasião em que Jake observa que ela tem certa culpa pela situação.

Mais tarde, em outro bar, Brett começa a flertar com Pedro. Desgostoso, Jake se retira e atormentado pelos cartazes que divulgam o toureiro, arremessa um copo de vinho tinto em um deles. Logo depois, ainda embriagado, Mike aparece com uma jovem em cada braço, seguido por Robert. Quando Jake se recusa a dizer a Robert onde Brett pode ser encontrada, este, um ex-campeão de boxe na faculdade, o esmurra e, ao perceber o pôster manchado, deixa o local muito agitado.

Explodindo de raiva, Robert entra no quarto do hotel onde Brett se encontra com Pedro e, num ataque de ciúmes, começa a esmurrar o toureiro. Na manhã seguinte, Jake, Bill e Mike se reúnem na praça da cidade e, quando Brett anuncia que Pedro está gravemente ferido, o rude Mike derruba a mesa do bar onde se encontram. Pedindo a Jake que a acompanhe, Brett entra numa igreja para orar e, a seguir, apela a Jake para que cuide de Mike. Naquela tarde, na praça de touros, Pedro faz uma reverência para Brett e depois enfrenta o touro. Quando a multidão pede por mais dinamismo, embora machucado e com dores, o toureiro mata o animal. Enquanto Brett vai felicitar o toureiro, Robert pede desculpas a Jake por seu comportamento, explicando que estava perdidamente apaixonado por Brett, mas que resolveu voltar para os Estados Unidos e resolver algumas pendências com sua amante. Em seguida, Jake volta ao hotel à procura de Brett, mas ao chegar lá, um bêbado Mike lhe informa que ela fugiu com Pedro.

Com o fim das festas em Pamplona, Bill, Mike e Jake pensam sobre o futuro. Falido, Mike faz planos para se aventurar na Riviera, onde acredita que poderá viver de créditos. Bill, por sua vez, pensa em seguir para Nova York por mar, enquanto Jake pretende relaxar um pouco em Biarritz antes de reassumir seu cargo no escritório do Herald. Já no balneário francês, ele recebe um telegrama urgente de Brett, através do qual ela lhe implora para que vá ao seu encontro em Madrid. Ao chegar lá, Brett lhe confidencia que, receosa de destruir Pedro, o forçou a ir embora. Em seguida, confessando que se aproximou do toureiro na esperança de poder esquecê-lo, no que não teve êxito, ela lhe pede que a leve consigo, no que é atendida. Assim, deixando seus pertences para trás, Brett entra no taxi com Jake e, depois de declarar que ele é o único homem que poderia amar, afirma ter a esperança de encontrar uma resposta para eles em algum lugar.

imagem imagem imagem

Comentários

Baseado num romance de Ernest Hemingway e realizado pelo cineasta Henry King, “E Agora Brilha o Sol” é um drama do cinema americano do final da década de 50.

Incompreensivelmente, mesmo contando com a batuta do grande diretor e com um elenco de primeiríssima grandeza da Hollywood da época, o filme pode, no máximo, ser considerado como razoável.

Como destaques, poderia citar apenas o seu belo cenário, a música de Hugo Friedhofer e alguns poucos cenas comoventes.

CAA