Filmes por gênero

BRILHO ETERNO DE UMA MENTE SEM LEMBRANÇAS (2004)

Eternal sunshine of the spotless mind
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: O despertar da mente (Portugal)
¡Olvídate de mí! (Espanha)
Se mi lasci ti cancello (Itália)
Du soleil plein la tête (Canadá francês)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Comédia Romântica, Melodrama
Direção: Michel Gondry
Roteiro: Charlie Kaufman
Produção: Steve Golin, Anthony Bregman
Design Produção: Dan Leigh
Música Original: Jon Brion
Fotografia: Ellen Kuras
Edição: Valdís Óskarsdóttir
Direção de Arte: David Stein
Figurino: Melissa Toth
Guarda-Roupa: Lisa Frucht, Deirdre Williams, David Page e outros
Maquiagem: Noriko Watanabe, Kyra Panchenko, Allen Weisinger e outros
Efeitos Sonoros: Tom Nelson, Philip Stockton, George Lara e outros
Efeitos Especiais: Drew Jiritano, Mark Bero, Thomas Viviano
Efeitos Visuais: Louis Morin, Mark Dornfeld
Nota: 8.7
Filme Assistido em: 2006

Elenco

Jim Carrey Joel Barish
Kate Winslet Clementine Kruczynski
Jane Adams Carrie
David Cross Rob
Kirsten Dunst Mary Svevo
Elijah Wood Patrick
Mark Ruffalo Stan Fink
Tom Wilkinson Dr. Howard Mierzwiak
Thomas Jay Ryan Frank
Deirdre O'Connell Hollis
Gerry Robert Byrne Condutor do Trem
Ryan Witney Joel, quando jovem
Lola Daehler Clementine, quando jovem
Debbon Ayer Mãe de Joel

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Roteiro Original

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Roteiro Original

Prêmio de Melhor Edição

Círculo de Críticos de Cinema de Londres, Inglaterra

Prêmio Roteirista do Ano (Charlie Kaufman)

Prêmio Atriz Britânica do Ano (Kate Winslet)

Associação dos Críticos de Cinema de Toronto, Canadá

Prêmio de Melhor Direção (Michel Gondry)

Prêmio de Melhor Roteiro

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Atriz (Kate Winslet)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio David Lean de Melhor Direção (Michel Gondry)

Prêmio de Melhor Ator (Jim Carrey)

Prêmio de Melhor Atriz (Kate Winslet)

Academia do Cinema Europeu

Prêmio Internacional (Michel Gondry)

Círculo de Críticos de Cinema de Londres, Inglaterra

Prêmio Filme do Ano

Prêmio Diretor do Ano (Michel Gondry)

Festival Robert de Copenhague, Dinamarca

Robert de Melhor Filme Americano

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Roteiro

Prêmio de Melhor Filme - Musical ou Comédia

Prêmio de Melhor Ator em um Musical ou Comédia (Jim Carrey)

Prêmio de Melhor Atriz em um Musical ou Comédia (Kate Winslet)

Grande Prêmio Brasileiro de Cinema, Brasil

Prêmio de Melhor Longa-Metragem Estrangeiro

Instituto Australiano de Cinema

Prêmio de Melhor Filme Estrangeiro

Prêmios Bodil - Copenhague, Dinamarca

Bodil de Melhor Filme Americano

Prêmios César - Academia das Artes do Cinema, França

César de Melhor Filme Estrangeiro

Prêmios Leão Tcheco, Praga, República Tcheca

Leão Tcheco de Melhor Filme em Língua Estrangeira

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Atendendo a um convite dos amigos Rob e Carrie, Joel Barish vai a uma festa numa praia de Montauk, em Long Island, onde conhece e se apaixona por Clementine Kruczynski, uma jovem extrovertida e extravagante com seus cabelos pintados de azul.  Na noite seguinte, ela o leva até o Rio Charles onde se divertem e se deitam em seu leito totalmente congelado.

As diferenças gritantes entre as personalidades de Joel, um jovem inseguro e carente, e de Clementine, com seu espírito livre sempre à procura de novas experiências, faz com que essa relação, iniciada de forma tão rápida e mágica, não seja duradoura.

Logo após a separação, Clementine decide esquecer Joel para sempre e, para tanto, aceita se submeter a um tratamento experimental, que retira de sua memória os momentos vividos com ele.

Algum tempo depois, Joel volta a encontrá-la numa livraria onde ela trabalha como caixa.  Para sua surpresa, ela o trata como se nunca o tivesse visto antes.  Com as lembranças dele apagadas, ela agora tem um novo namorado, Patrick.  Intrigado com o tratamento recebido, Joel termina por descobrir o que a levou a esquecê-lo, deixando-o deprimido e frustrado por ainda estar amando uma pessoa que o retirou de sua mente.

Desesperado, mas decidido a superar essa situação, contata o inventor do processo, Dr. Howard Mierzwiak, em sua Clínica Lacuna, para também remover sua amada de suas lembranças.  Entretanto, quando os dois assistentes de Mierzwiak, Stan e Patrick, iniciam a delicada intervenção cirúrgica, visando a destruição seletiva das células que armazenam as lembranças de Clementine, o inesperado ocorre.  Embora mergulhado num sono profundo, à medida que suas lembranças vão desaparecendo, Joel começa a redescobrir o seu amor por Clementine.  Assim, tenta escapar do procedimento, refugiando-se nas áreas mais profundas de sua memória, no cérebro, onde passa a lutar pela criação de novas células de memória que possam substituir aquelas que a equipe médica vai destruindo.

Algum tempo depois, Joel se acorda com uma inexplicável compulsão para faltar ao trabalho e pegar o trem para Montauk.  Iniciada a viagem, ele reencontra Clementine.  Embora não se reconheçam, à medida em que conversam, de alguma forma uma nova conexão se forma entre os dois.

imagem imagem imagem

Comentários

"Brilho Eterno De Uma Mente Sem Lembranças" é uma excelente comédia romântica, mesclada com toques de um melodrama surrealista.  Realizado pelo cineasta Michel Gondry, o filme, usando recursos de ficção científica, levanta a possibilidade tecnológica de apagar seletivamente lembranças indesejáveis da mente de uma pessoa, inclusive traumas e humilhações.

Partindo do ótimo roteiro escrito por Charlie Kaufman, Gondry realiza um excelente trabalho de direção, usando um estilo de narrativa descontínuo, não cronológico, muito usado por grandes nomes do cinema europeu dos anos 60 e 70, como Godard, Bergman e Resnais.

Jim Carrey nos brinda com uma magnífica atuação, no papel de um perdedor que finalmente encontra a força de que precisa para lutar pelo que realmente quer na vida.  Kate Winslet, como sempre, reafirma seu talento como uma das melhores atrizes de sua geração.

CAA