Filmes por gênero

A DANÇA DOS VAMPIROS (1967)

Dance of the Vampires
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Por favor não me morda o pescoço (Portugal)
Le bal des vampires (França, Canadá francês)
El baile de los vampiros (Espanha)
Per favore, non mordermi sul collo (Itália)
Tanz der vampire (Alemanha)
La danza de los vampiros (Argentina)
Pais: Estados Unidos, Reino Unido
Gênero: Comédia, Horror
Direção: Roman Polanski
Roteiro: Roman Polanski, Gérard Brach
Produção: Gene Gutowski
Design Produção: Wilfred Shingleton
Música Original: Krzysztof Komeda
Coreografia: Tutte Lemkow
Fotografia: Douglas Slocombe
Edição: Alastair McIntyre
Direção de Arte: Fred Carter
Figurino: Sophie Devine
Maquiagem: Tom Smith
Efeitos Sonoros: George Stephenson, Len Shilton, Lionel Selwyn
Efeitos Visuais: Doug Ferris
Nota: 7.0
Filme Assistido em: 2001

Elenco

Jack MacGowran Prof. Abronsius
Sharon Tate Sarah Shagal
Roman Polanski Alfred, assistente do Prof. Abronsius
Alfie Bass Shagal
Jessie Robins Rebecca Shagal
Ferdy Mayne Conde Von Krolock
Iain Quarrier Herbert Von Krolock
Terry Downes Koukol
Fiona Lewis Magda, a empregada
Ronald Lacey Idiota
Sydney Bromley Motorista
Andreas Malandrinos Cortador de árvores
Otto Diamant Cortador de árvores
Matthew Walters Cortador de árvores

Videoclipes

70 anos de cinema 70 anos de cinema 70 anos de cinema

Sinopse

O professor universitário Abronsius, especialista em vampiros, e seu ajudante atrapalhado Alfred, partem para a Transilvânia, no coração da Europa Central, em busca de vampiros.

No albergue em que eles ficam hospedados, por superstição, não se fala em vampiros. O dono da hospedaria está preocupado em correr atrás da empregada e cuidar de sua filha Sarah, que tem um hábito obsessivo por banho.  Logo no primeiro instante, Alfred apaixona-se por Sarah.

A moça é levada pelo conde Von Krolock, um temível e poderoso vampiro, até o seu sinistro castelo localizado nas montanhas de neve.  O professor e seu assistente seguem em busca do tal castelo onde, além de Von Krolock,  moram seu filho e um fiel e bizarro corcunda.

Ao chegarem lá, são muito bem recebidos pelo Conde que, entretanto, aguarda apenas o momento certo para atacá-los.  Começa, então, a luta de Abronsius e de seu assistente para tentar escapar do castelo levando com eles a bela Sarah, agora uma nova vampira.

imagem imagem imagem

Comentários

"A Dança dos Vampiros" é, antes de tudo, uma paródia dos filmes sobre vampiros produzidos pela Hammer Film Production Ltd., tais como, "The brides of Dracula" de 1960 e "Dracula: Prince of Darkness" de 1966.  Assim, o filme apresenta uma mistura bem dosada de comédia com trama policial.

Polanski sabe habilmente utilisar certos pontos fortes dos filmes da Hammer para os transcender.  Os cenários realizados por Wilfred Shingleton são simplesmente magníficos.  A fotografia de Douglas Slocombe, a estrutura da narrativa, a excelente música de Krzysztof Komeda que se encaixa perfeitamente no clima do filme e os primorosos figurinos de Sophie Devine fazem de "A Dança dos Vampiros" um clássico.  O elenco é também um ponto forte, com destaque para Jack MacGowran.

O filme foi rodado entre Londres e a Itália.  Embora se trate de uma comédia, Polanski consegue magistralmente inserir alguns momentos de requintado suspense.
 
CAA