Filmes por gênero

ROMANCE CARIOCA (1950)

Nancy goes to Rio
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Festa no Brasil (Portugal)
Voyage à Rio (França, Bélgica)
Nancy va a Rio (Espanha, Itália)
Nancy geht nach Rio (Austria)
Trio i Rio (Suécia)
Nancy jedzie do Rio (Polônia)
Rio kutsuu (Finlândia)
Nancy ta'r til Rio (Dinamarca)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Comédia Musical
Direção: Robert Z. Leonard
Roteiro: Sidney Sheldon
Produção: Joe Pasternak
Música Original: Ray Gilbert
Direção Musical: George E. Stoll
Coreografia: Nick Castle
Fotografia: Ray June
Edição: Adrienne Fazan
Direção de Arte: Cedric Gibbons, Jack Martin Smith
Figurino: Helen Rose
Maquiagem: Jack Dawn
Efeitos Sonoros: Douglas Shearer
Efeitos Especiais: A. Arnold Gillespie
Nota: 7.8
Filme Assistido em: 1952

Elenco

Ann Sothern Frances Elliott
Jane Powell Nancy Barklay
Barry Sullivan Paul Berten
Carmen Miranda Marina Rodrigues
Louis Calhern Gregory Elliott
Scotty Beckett Scotty Sheridan
Fortunio Bonanova Ricardo Domingos
Glenn Anders Arthur Barrett
Nella Walker Sra. Harrison
Hans Conried Alfredo
Sig Arno Georges
Leon Belasco Prof. Gama
Pierre Watkin Michael
Wilbur Mack Sr. Harrison
Frank Wilcox Kenneth, pai de Paul
Ransom M. Sherman Dr. Ballard
William Forrest Advogado
Helen Dickson Sra. Ballard
Teresa Celli Recepcionista
Cy Kendall Capitão Ritchie
Fred Kelsey Morony
Danny Scholl Charles
Bess Flowers Convidada na festa

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Na noite de encerramento de uma peça da Broadway, a atriz Frances Elliott promove uma festa com a presença de muitos convidados, incluindo seu excêntrico pai, Gregory, que também é ator; sua filha de dezessete anos de idade, Nancy Barklay, aspirante à atriz; e o dramaturgo brasileiro Ricardo Domingos, que está considerando a possibilidade de convidar Frances para participar de sua próxima peça. Ela ansiosamente deseja participar da peça de Ricardo, e embora esteja praticamente garantida no papel, ele lhe pede para que não divulgue a notícia, até que uma decisão final seja tomada. Mais tarde, Ricardo diz ao produtor de Frances que ela não pode ser indicada para o papel, e que ele tem uma atriz mais jovem em mente. Quando encontra Nancy, ele instantaneamente sabe que encontrou a jovem perfeita para o papel.

No dia seguinte, Frances embarca para o Brasil onde pretende passar suas férias e dedicar-se ao estudo de suas falas. Gregory a acompanha até o Rio de Janeiro, enquanto Nancy, que está prestes a estrelar uma pequena peça, vai para Connecticut. Depois de observar as habilidades de atuação de Nancy, Ricardo oferece-lhe a parte que havia prometido à Frances. A jovem aceita o papel, sem saber que o mesmo havia sido prometido à sua mãe. Buscando a tranquilidade que precisa para estudar suas falas, Nancy acompanha sua mãe e seu avô até o Rio de Janeiro. A bordo do navio, o empresário Paul Berten ouve Nancy ensaiando suas falas e equivocadamente acredita ser ela uma mulher abandonada.

Paul tem pena dela e pede a ajuda de sua parceira de negócios, Marina Rodrigues, para aconselhá-la. Não sabendo que ele está tentando ajudá-la, Nancy toma sua atitude como se fosse uma proposta de casamento. Ela rejeita a aparente proposta de Paul e se despede dele quando o navio chega ao Rio de Janeiro. Pouco tempo depois, ao ouvir sua mãe ensaiando as mesmas falas que Ricardo lhe confiara, Nancy fica arrasada. Decidida a ficar fora da peça, a jovem diz à mãe que veio ao Rio de Janeiro para se casar. Mais tarde, ela visita Paul em seu escritório, disposta a aceitar a proposta de casamento que acredita ter ele lhe feito. Perplexo com o comportamento da jovem e acreditando que ela se acha grávida, ele lhe pede para que procure sua mãe para falar sobre sua situação, fazendo com que ela pense que ele está se referindo ao seu iminente casamento. Preocupado, ele pede que Marina a siga até a casa de Frances. Uma vez lá, Marina fala sobre a suposta gravidez de Nancy, fazendo com que ela conclua que a filha deve estar grávida de Paul.

Preocupada, Frances exige uma reunião privada com Paul, durante a qual este confessa sua paixão por ela. Enojada, ela se retira, mas pouco depois a situação é esclarecida quando Paul comenta o assunto com Gregory. Este, por sua vez, explica todo o ocorrido para Frances que, descobrindo toda a verdade sobre Paul, o procura e os dois iniciam um romance. Depois de anunciar o noivado com Paul, Frances se retira da peça de Ricardo e sugere que a filha a substitua. No final, a peça estreia em Nova York, tendo Nancy no papel principal.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Robert Z. Leonard, a partir de um roteiro escrito por Sidney Sheldon, “Romance Carioca”, embora não possa ser incluído entre os grandes musicais de Hollywood, é uma boa comédia musical produzida pela  Metro-Goldwyn-Mayer (MGM) em 1950.

Embora não seja extraordinária, a direção de Leonard se mostra bastante segura, no que é ajudada pela ótima fotografia a cores de Ray June, bem como, por sua trilha sonora que conta, dentre outras, com músicas de Luiz Gonzaga e Pixinguinha. Carmen Miranda, por exemplo, canta uma versão de “Baião”, de Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga, enquanto Jane Powell interpreta a canção “Love Is Like This”, uma versão de “Carinhoso”, de Pixinguinha e Carlos Alberto Ferreira Braga, conhecido como Braguinha e também como João de Barro.

No elenco, com atuações bastante convincentes, destacam-se Jane Powell, Louis Calhern e Carmen Miranda.

CAA