Filmes por gênero

AS PONTES DE MADISON (1995)

The bridges of Madison County
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: As pontes de Madison County (Portugal)
Sur la route de Madison (França)
I ponti di Madison County (Itália)
Los puentes de Madison (Argentina, Espanha, México)
Broarna i Madison County (Suécia)
Die Brücken am Fluß (Austria, Alemanha)
Co sie wydarzylo w Madison County (Polônia)
Madison Megye hídjai (Hungria)
Мосты округа Мэдисон (Rússia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama, Romance
Direção: Clint Eastwood
Roteiro: Richard LaGravenese
Produção: Clint Eastwood, Kathleen Kennedy
Design Produção: Jeannine Oppewall
Música Original: Lennie Niehaus
Direção Musical: Peter Afterman
Fotografia: Jack N. Green
Edição: Joel Cox
Direção de Arte: William Arnold
Figurino: Colleen Kelsall
Guarda-Roupa: David Davenport, Kelly Lindquist, Deedee Montesanto
Maquiagem: Michael Hancock, J. Roy Helland
Efeitos Sonoros: Willie D. Burton, Alan R. Murray, Bub Asman, Vern Poore e outros
Efeitos Especiais: Jeff Denes, John Frazier, Steve Riley, Joe Pancake
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 1997

Elenco

Clint Eastwood Robert Kincaid
Meryl Streep Francesca Johnson
Annie Corley Carolyn Johnson
Victor Slezak Michael Johnson
Jim Haynie Richard Johnson
Sarah Kathryn Schmitt Carolyn, quando pequena
Christopher Kroon Michael, quando pequeno
Debra Monk Madge
Phyllis Lyons Betty
Michelle Benes Lucy Redfield
Richard Lage Advogado Peterson
Lana Schwab Vendedora
Art Breese Caixa
Tania Mishler Garçonete
Billie McNabb Garçonete
Dennis McCool Clente do Café
Judy Trask Cliente do Café
David Trask Cliente do Café
Edna Dolson Cliente do Café
Michael C. Pommier Cliente do Café

Prêmios

Prêmios Blue Ribbon

Blue Ribbon de Melhor Filme Estrangeiro (Clint Eastwood)

Fotogramas de Plata, Madrid, Espanha

Fotogramas de Plata de Melhor Filme Estrangeiro (Clint Eastwood)

Mainichi Film Concours, Tóquio - Japão

Prêmio Escolha dos Leitores de Melhor Direção de um Filme Estrangeiro (Clint Eastwood)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Atriz (Meryl Streep)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Prêmio de Melhor Atriz em um Drama (Meryl Streep)

Academia Japonesa de Cinema, Japão

Prêmio de Melhor Filme em Língua Estrangeira

Associação dos Críticos de Cinema de Chicago

Prêmio de Melhor Diretor (Clint Eastwood)

Prêmio de Melhor Atriz (Meryl Streep)

Prêmios César - Academia das Artes do Cinema, França

César de Melhor Filme Estrangeiro (Clint Eastwood)

Associação dos Críticos de Cinema de Dallas-Fort Worth - USA

Prêmio de Melhor Atriz (Meryl Streep)

Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos

Prêmio de Melhor Atriz (Meryl Streep)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Atriz (Meryl Streep)

Prêmios Sant Jordi de Barcelona

Prêmio de Melhor Atriz Estrangeira (Meryl Streep)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1965, os irmãos Michael e Carolyn Johnson chegam à fazenda de Francesca Johnson, sua mãe recentemente falecida. Francesca era uma solitária dona de casa italiana que havia casado com um soldado americano e emigrado para os Estados Unidos. Uma vez na fazenda, os dois irmãos descobrem, perplexos, que ela havia deixado instruções muito específicas para que seu corpo fosse cremado e suas cinzas lançadas ao longo de uma ponte localizada próxima à sua casa.

Inicialmente, Michael se recusa a admitir tal possibilidade, inteiramente em desacordo com os planos feitos pela família. Logo em seguida, Carolyn descobre, em um baú, um conjunto de fotos, diários, uma carta e outras lembranças deixadas pela mãe. Ela, então, consegue convencer o irmão a deixar de lado sua reação inicial para que possam ler os documentos encontrados.

Assim, descobrem que quando eles, acompanhando seu pai, estiveram fora para visitarem a Feira de Illinois, sua mãe conheceu e se enamorou por um fotógrafo, Robert Kincaid, que chegou ao Condado de Madison para realizar uma reportagem fotográfica para a National Geographic Magazine sobre as pontes cobertas encontradas na região. Os diários revelam, ainda, que ela só não fugiu com o fotógrafo porque, no último momento, preocupou-se com as consequências que tal ato poderiam ter nas vidas de seus filhos e marido.

Tais revelações provocam consequências profundas sobre as vidas de Michael e Carolyn, ambos enfrentando problemas conjugais. A história de sua mãe os ajuda a encontrarem um senso de direção em suas vidas. No final, os irmãos terminam atendendo ao último desejo da mãe.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Clint Eastwood, a partir de um roteiro escrito por Richard LaGravenese, “As Pontes de Madison” é um ótimo filme de meados dos anos 1990. Trata-se de um drama romântico comovente interpretado por Eastwood e Meryl Streep, que nos brindam com grandes atuações. Os diálogos, bem como, as cenas que eles compartilham, são de primeiríssima qualidade.

Por outro lado, partindo de um roteiro bastante inteligente, Eastwood apresenta uma direção irrepreensível. As músicas compostas por Lennie Niehaus, bem como, o tema principal, reforçam as emoções em diversas cenas.

Enfim, “As Pontes de Madison” é um filme altamente recomendável.

CAA