Filmes por gênero

O PRAZER (1951)

Le plaisir
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: El placer (Espanha)
Il piacere (Itália)
Pläsier (Alemanha, Austria)
Kärlekens fröjder (Suécia)
Kærlighedens glæder (Dinamarca)
Az élet örömei (Hungria)
Dom pani Tellier (Polônia)
Наслаждение (União Soviética)
Pais: França
Gênero: Comédia Dramática
Direção: Max Ophüls
Roteiro: Max Ophüls, Jacques Natanson
Produção: Max Ophüls
Design Produção: Jean d'Eaubonne
Música Original: Joe Hajos
Fotografia: Philippe Agostini, Christian Matras
Edição: Léonide Azar
Direção de Arte: Max Ophüls
Figurino: Georges Annenkov
Guarda-Roupa: Ferdinand Junker
Maquiagem: Carmen Brel, Roger Chanteau
Efeitos Sonoros: Pierre-Louis Calvet, Jean Rieul, Louis Haller
Nota: 9.0
Filme Assistido em: 1956

Elenco

Claude Dauphin O médico (segmento "Le Masque")
Gaby Morlay Denise, mulher de Ambroise (segmento "Le Masque")
Gaby Bruyère Frimousse - A dançarina (segmento "Le Masque")
Paul Azaïs Patrono do baile (segmento "Le Masque")
Jean Galland Ambroise - o máscara (segmento "Le Masque")
Madeleine Renaud Julia Tellier (segmento "La Maison Tellier")
Jean Gabin Joseph Rivet (segmento "La Maison Tellier")
Jocelyne Jany Constance Rivet (segmento "La Maison Tellier")
Danielle Darrieux Madame Rosa (segmento "La Maison Tellier")
Ginette Leclerc Madame Flora / Balançoire (segmento "La Maison Tellier")
Mila Parély Madame Raphaële (segmento "La Maison Tellier")
Pierre Brasseur Julien Ledentu (segmento "La Maison Tellier")
Amédée Frédéric - empregado (segmento "La Maison Tellier")
Antoine Balpêtré Sr. Poulain (segmento "La Maison Tellier")
René Blancard O prefeito (segmento "La Maison Tellier")
Mathilde Casadesus Madame Louise, Cocotte (segmento "La Maison Tellier")
Henri Crémieux Sr. Pimpesse (segmento "La Maison Tellier")
Paulette Dubost Madame Fernande (segmento "La Maison Tellier")
Robert Lombard Sr.Philippe, filho do banqueiro (segmento "La Maison Tellier")
Héléna Manson Marie Rivet (segmento "La Maison Tellier")
Marcel Pérès Sr. Duvert (segmento "La Maison Tellier")
Jean Meyer Sr. Dupuis (segmento "La Maison Tellier")
Louis Seigner Sr. Tourneveau (segmento "La Maison Tellier")
Charles Vissières O velho normando no trem (segmento "La Maison Tellier"
Claire Olivier Madame Tourneveau (segmento "La Maison Tellier")
Daniel Gélin Jean, o pintor (segmento "Le Modèle")
Jean Servais Amigo de Jean / a voz de Maupassant (segmento "Le Modèle)
Simone Simon Joséphine - a modelo (segmento "Le Modèle")

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção de Arte (Max Ophüls)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

O filme consta de três segmentos distintos:

1º Segmento: Le Masque
Num grande baile, um dançarino mascarado e bem vestido chama a atenção da bela dançarina Frimousse. Durante a dança dos dois, ele passa mal e um médico é chamado para atendê-lo. Ao chegar, o médico retira sua máscara e, em seguida, o leva até sua pobre casa, onde uma paciente esposa o aguardava.

2º Segmento: La Maison Tellier
Madame Julia Tellier é uma conhecida cafetina que administra um bar e um prostíbulo, em Paris, frequentados tanto por clientes da classe baixa, como marinheiros, quanto por cidadãos respeitáveis, como um juiz e o prefeito. Certa noite de sábado, seus clientes são surpreendidos pelo fato dos locais encontrarem-se fechados. Algum tempo depois, descobre-se que Madame Tellier foi visitar seu irmão carpinteiro Joseph Rivet, que mora no interior. O motivo da viagem é a cerimônia da primeira comunhão da filha de Joseph, a adolescente Constance. As mulheres são bem recebidas no vilarejo e Joseph fica muito agradecido pela visita da irmã, e atraído especialmente por uma das mulheres, Madame Rosa.

3º Segmento: Le Modèle
Um pintor apaixona-se por uma de suas modelos. O romance tem um começo ardente, mas logo o casal não consegue mais viver juntos devido às frequentes brigas. O pintor resolve abandonar a esposa e ir morar com um amigo, mas a mulher não se conforma e vai atrás dele, ameaçando se suicidar caso ele se case com outra.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Max Ophüls, a partir de um roteiro por ele escrito em parceria com Jacques Natanson, “O Prazer” é um excelente filme do cinema francês produzido pelas empresas Stera Films e Compagnie Commerciale Française Cinématographique em 1951. Dividido em três episódios, cada um fala de um conto do famoso escritor e poeta francês, Guy de Maupassant.

Na direção, Ophüls realiza um ótimo trabalho, no que é ajudado pela bela fotografia a cargo de Philippe Agostini e Christian Matras. Merece ainda ser destacada a magnífica atuação de Jean Gabin, no papel de Joseph Rivet, seguida pelos ótimos desempenhos de Danielle Darrieux, Jocelyne Jany, Claude Dauphin, Pierre Brasseur e Simone Simon.

Enfim, “O Prazer” é, sem dúvida, uma das obras-primas do cinema francês da década de 1950.

CAA