Filmes por gênero

A PROFESSORA DE INGLÊS (2013)

The English Teacher
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Pais: Estados Unidos
Gênero: Comédia Dramática
Direção: Craig Zisk
Roteiro: Stacy Chariton, Dan Chariton
Produção: Robert Salerno, Ben LeClair, Naomi Despres, Matthew E. Chausse
Design Produção: Michael Shaw
Música Original: Rob Simonsen
Fotografia: Vanja Cernjul
Edição: Myron I. Kerstein
Figurino: Emma Potter
Guarda-Roupa: Virginia Cook, Catherine Crabtree, Kim Goings
Maquiagem: Susan Reilly LeHane
Efeitos Sonoros: Mariusz Glabinski, Dominick Tavella, Jay Peck
Efeitos Especiais: Drew Jiritano
Efeitos Visuais: Vico Sharabani, Yfat Neev, Christian Madera, Chad Herrada
Nota: 6.6
Filme Assistido em: 2013

Elenco

Julianne Moore Linda Sinclair
Lily Collins Halle Anderson
Michael Angarano Jason Sherwood
Greg Kinnear Dr. Tom Sherwood
Nathan Lane Carl Kapinas
Jessica Hecht Diretora Megan Slocum
Nikki Blonsky Sheila Nussbaum
Charlie Saxton Will Traynor
Jim Breuer Narcisista
Remy Auberjonois Homem de negócios
Marcia DeBonis Enfermeira Terri
Norbert Leo Butz Vice-Diretor Phil Pelaski
Erin Wilhelmi Joni Gerber
Sophie Curtis Fallon Hughes
Peter Y. Kim Mike
Alexander Flores Ed Mckee
Alan Aisenberg Benjamin Meyer
Donnetta Lavinia Grays Administradora do Hospital
Katie Meinholt Linda Sinclair, jovem
Sasha Almedia-Beers Garçonete
Brynn Casey Linda, aos 9 anos
Georgy Timofeev Jorge

Videoclipes

70 anos de cinema 70 anos de cinema

Sinopse

Linda Sinclair é uma professora de Inglês de quarenta e poucos anos, solteira, que trabalha num colégio da pequena cidade de Kingston, na Pensilvânia. Ela vive num pequeno apartamento com dois gatos siameses e sua rica coleção de livros de literatura. Não mantém relações pessoais a não ser com alguns de seus autores preferidos. Sua vida é muito menos complicada do que aquelas dos dramas que ela devora nas páginas de seus livros. Mas essa sua vida simples vira uma página inesperada quando um antigo aluno seu, Jason Sherwood, retorna à Kingston, depois de tentar sem sucesso ser reconhecido como um dramaturgo em Nova York.

Agora em seus vinte e poucos anos, Jason está prestes a abandonar sua vocação para a arte, pressionado por seu pai autoritário, o médico Dr. Tom Sherwood, a fim de encarar a realidade e ir para a Faculdade de Direito. Linda, entretanto, não consegue suportar a ideia do jovem desistir de seus sonhos, de modo que decide lutar para que a Escola onde trabalha monte sua peça, um trabalho ambicioso cheio de angústia, como uma produção a ser exibida no final do ano letivo.

Tendo o professor de teatro Carl Kapinas como diretor do empreendimento, começam os ensaios tendo como atores os próprios alunos do Colégio. A direção sugere que o final da peça sofra uma alteração e Linda, toma para si, a responsabilidade de reescrevê-lo. No entanto, ao se envolver sexualmente com o jovem Jason, o caso vem à tona e Linda é expulsa do Colégio.

O fim do ano se aproxima e, sem o final da peça reescrito, a direção da Escola a procura e a readmite com a condição do espetáculo ser apresentado como inicialmente planejado. Assim, tudo corre às mil maravilhas e, após o espetáculo, Jason é muito aplaudido e reconhecido como um ótimo dramaturgo.

Depois de confessar para o Dr. Sherwood que dormiu com o filho dele, Linda e o médico iniciam uma relação amorosa.

imagem imagem imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Craig Zisk, “A Professora de Inglês” é uma comédia dramática razoável, sem maiores pretensões. De qualquer forma, para quem não tem um melhor programa, vale a pena ser vista.

A história apresenta alguns clichês e a direção de Zisk tem seus altos e baixos.  Como pontos positivos, sobressaem-se as atuações de Julianne Moore, no papel  da professora Linda, de Nathan Lane responsável por bons momentos de humor, e de Greg Kinnear como o austero pai de Jason.

CAA