Filmes por gênero

SPARTACUS (1960)

Spartacus
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Espartaco (Espanha, México, Argentina)
Spartakus (Polônia)
Spartak (Iugoslávia, Sérvia)
Спартак (Rússia, Bulgária)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Histórico, Épico, Drama, Aventura, Ação
Direção: Stanley Kubrick
Roteiro: Dalton Trumbo
Produção: Edward Lewis, Kirk Douglas
Design Produção: Alexander Golitzen
Música Original: Alex North
Direção Musical: Joseph Gershenson
Fotografia: Russell Metty
Edição: Robert Lawrence
Direção de Arte: Eric Orbom
Figurino: Valles, Bill Thomas
Guarda-Roupa: Bill Thomas, Ruggero Peruzzi
Maquiagem: Bud Westmore
Efeitos Sonoros: Joe Lapis, Ronald Pierce, Murray Spivack, Waldon Watson
Efeitos Especiais: Wah Chang, Don Sahlin
Efeitos Visuais: Saul Bass
Nota: 9.0
Filme Assistido em: 1962

Elenco

Kirk Douglas Spartacus
Laurence Olivier Marcus Licinius Crassus
Jean Simmons Varinia
Charles Laughton Sempronius Gracchus
Peter Ustinov Lentulus Batiatus
John Gavin Julius Caesar
Nina Foch Helena Glabrus
John Ireland Crixus
Herbert Lom Tigranes Levantus
John Dall Marcus Publius Glabrus
Charles McGraw Marcellus
Joanna Barnes Claudia Marius
Harold Stone David
Woody Strode Draba
Tony Curtis Antoninus
Peter Brocco Ramon
Paul Lambert Gannicus
Nick Dennis Dionysius
John Hoyt Caius
Frederick Worlock Laelius
Otto Malde General romano
Scott Seaton Senador romano
Duke Fishman Senador romano
Kenner G. Kemp Senador romano
George Kennedy Soldado rebelde
Paul Kruger Senador romano
Jim Sears Gladiador
Tom Steele Gladiador
Paul Baxley Gladiador
Rudy Bukich Gladiador
John Stephenson Centurião
Logan Field Centurião
David Bond Escravo
Polly Burson Escrava
Carol Daniels Escrava
Doris Darling Escrava
Carleton Young Herald
Joe Haworth Marius
Jil Jarmyn Julia

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Peter Ustinov)

Oscar de Melhor Fotografia (Russell Metty)

Oscar de Melhor Direção de Arte - Decoração de Cenários (Alexander Golitzen, Eric Orbom, Russell Gausman, Julia Heron)

Oscar de Melhor Figurino (Valles, Bill Thomas )

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Edição (Robert Lawrence)

Oscar de Melhor Trilha Sonora de uma Comédia ou Drama (Alex North )

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Direção (Stanley Kubrick)

Prêmio de Melhor Trilha Sonora Original (Alex North )

Prêmio de Melhor Ator em um Drama (Laurence Olivier)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Peter Ustinov e Woody Strode)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Filme (Stanley Kubrick)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Roteiro de um Drama Americano (Dalton Trumbo )

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator em um Drama (Kirk Douglas)

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante (Peter Ustinov)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

No último século antes do nascimento de Cristo, um orgulhoso e rebelde escravo, chamado Spartacus, trabalhando nas minas da Líbia, é salvo de ser punido por ter agredido um guarda, quando surge Lentulus Batiatus, um negociante e treinador de gladiadores.  Ao vê-lo, Batiatus acredita ter Spartacus um grande potencial para se tornar um excelente gladiador e resolve comprá-lo, levando-o para sua escola em Capua, Itália.

Um dia, Spartacus conhece Varinia, uma jovem e bela escrava, e se apaixona por ela.  Logo depois, chegam de Roma, para visitarem a escola, Gracchus, presidente do Senado, e o general Marcus Licinius Crassus, que sonha em se tornar um ditador, acompanhados por suas esposas.  As mulheres pedem para que lhes seja oferecido um espetáculo em que dois gladiadores lutem até a morte.  Spartacus é escolhido para enfrentar Draba, um gladiador negro, que vence a luta mas se recusa a matar seu opositor, atirando seu tridente contra a tribuna onde se achavam os romanos.  Esse nobre gesto custa a vida de Draba e enfurece Spartacus, que termina liderando uma revolta de escravos.

Refugiado no Monte Vesúvio, acaba construindo uma verdadeira cidadela, que abriga outros gladiadores e escravos fugidos.  A partir daí, Spartacus derrota dois exércitos de Roma e conquista o sul da Itália.  Um ano mais tarde, seu grupo derrota mais três milícias romanas.

Depois dessas sucessivas derrotas, o Senado Romano toma consciência da gravidade da situação e decide reagir com todo o seu poderio militar.  Assim, em 71 A.C., no local conhecido como Reggio di Calabria, Spartacus é cercado pelas forças militares do comandante Marcus Licinius Crassus.  Os rebeldes fogem, mas Crassus persegue Spartacus até a Lucania, onde, finalmente, consegue derrotar seu exército.

imagem imagem imagem

Comentários

Baseado no livro de Howard Fast, "Spartacus" é um clássico do cinema americano dos anos 60.  Realizado pelo grande cineasta, Stanley Kubrick, o filme é, sem dúvida, o melhor já realizado envolvendo gladiadores e sintetiza os conceitos de luta social entre oprimidos e opressores.

Kubrick realiza um ótimo trabalho na direção.  As cenas das batalhas, com centenas de figurantes, são maravilhosamente coreografadas.  A trilha sonora é muito boa, tanto em momentos de drama, ação ou romance.  A fotografia de Russell Metty é um outro ponto a ser destacado nesse filme.

O elenco é estelar.  Kirk Douglas está fantástico no papel-título e deveria, pelo menos, ter sido indicado ao Oscar de Melhor Ator.  Charles Laughton está perfeito no papel do senador Gracchus, roubando quase todas as cenas em que aparece.  Laurence Olivier e Jean Simmons, que já haviam brilhado nos papéis principais de "Hamlet", 1948, confirmam os excelentes atores que são.  Peter Ustinov, interpretando Batiatus, foi agraciado com o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante.  Merecem ainda destaques, por suas ótimas atuações, os atores Woody Strode e John Dall.

CAA