Filmes por gênero

A ROSA NEGRA (1950)

The black rose
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: La rose noire (França, Bélgica)
La rosa negra (Espanha, México)
La rosa nera (Itália)
Die schwarze Rose (Alemanha, Austria)
Svarta rosen (Suécia)
Sorte rose (Dinamarca)
Черная роза (União Soviética)
Pais: Reino Unido, Estados Unidos
Gênero: Aventura, Histórico, Romance, Guerra
Direção: Henry Hathaway
Roteiro: Talbot Jennings
Produção: Louis D. Lighton
Música Original: Richard Addinsell
Direção Musical: Muir Mathieson
Fotografia: Jack Cardiff
Edição: Manuel del Campo
Direção de Arte: Paul Sheriff, William C. Andrews
Figurino: Michael Whittaker
Guarda-Roupa: Sam Benson
Efeitos Sonoros: Eric Wood, Buster Ambler
Efeitos Especiais: W. Percy Day
Nota: 7.8
Filme Assistido em: 1951

Elenco

Tyrone Power Walter of Gurnie
Orson Welles General Bayan
Cécile Aubry Maryam
Jack Hawkins Tristram Griffin
Michael Rennie Rei Edward
Finlay Currie Alfgar
Herbert Lom Anthemus
Mary Clare Condessa Eleanor de Lessford
Robert Blake Mahmoud
Alfonso Bedoya Lu Chung
Laurence Harvey Edmond
James Robertson Justice Simeon Beautrie
Henry Oscar Frei Roger Bacon
Torin Thatcher Harry
Rufus Cruikshank Dickon
Madame Phang Imperatriz da China
Valéry Inkijinoff Ministro chinês
Ley On Capitão chinês
George Woodbridge Warder
Hilary Pritchard Hal

Prêmios

Prêmios Bambi, Alemanha

Prêmio Bambi de Melhor Ator Internacional (Tyrone Power)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Figurino a cores (Michael Whittaker)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Na Inglaterra do Século XIII, o jovem nobre saxão Walter de Gurnie interrompe seus estudos em Oxford para participar das revoltas contra a dominação normanda. Ameaçados de condenação à forca, ele e o exímio arqueiro Tristram Griffin resolvem deixar o país e partem rumo à distante China, onde Walter pretende descobrir os segredos da pólvora e da bússola dos quais lhe falara um professor.

Na viagem, eles se juntam à caravana do mercador Anthemus, onde ajudam a bela mestiça Maryam que deseja fugir para a Inglaterra, a terra de seu pai, e se tornam soldados do impiedoso general mongol Bayan. Walter quer ajudar o general em seus planos de conquista da China e do mundo, mas Tristram teme pela Inglaterra e reluta em segui-lo.

O general Bayan envia Walter em uma missão à China. Ao chegar, lhe é dito que ele deverá permanecer no país como seu "convidado" para o resto de sua vida. Em seguida, ele encontra Tristram e Maryam, que também foram capturados e presos. Durante esse tempo, Walter percebe que ama Maryam. Os três decidem fugir. No entanto, Tristram morre e o pequeno barco onde Maryam se encontra afasta-se antes que Walter consiga alcançá-lo. Tais ocorrências fazem com que Walter retorne para a Inglaterra sozinho.

Ele é bem recebido pelo normando Rei Edward por causa de todo o conhecimento cultural e científico trazido da China, principalmente sobre a pólvora. O rei o nomeia cavaleiro e concede-lhe um brasão de armas. Para tornar sua felicidade completa, dois emissários de Bayan chegam à Inglaterra trazendo Maryam para se juntar a ele.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Henry Hathaway, a partir de um roteiro escrito por Talbot Jennings, “A Rosa Negra” é um bom filme anglo-americano produzido pela Twentieth Century-Fox Productions em 1950. Sua trama, baseada num romance do canadense Thomas Costain, é marcada por inúmeras cenas de ação e suspense e apresenta um fim inesperado.

Embora não seja extraordinária, a direção de Hathaway se mostra bastante segura, bastante clássica. O filme é ainda muito bem fotografado por Jack Cardiff e, no elenco, destacam-se as atuações de Orson Welles e Tyrone Power, seguidas pela apresentada por Jack Hawkins.

CAA