Filmes por gênero

UM RETRATO DE MULHER (1944)

The woman in the window
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Suprema decisão (Portugal)
La femme au portrait (França, Bélgica, Canadá)
La donna del ritratto (Itália)
Die Frau am fenster (Alemanha)
La mujer del cuadro (Espanha, México)
Kvinnan i fönstret (Suécia)
De vrouw in het venster (Holanda)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Filme Noir, Suspense, Mistério
Direção: Fritz Lang
Roteiro: Nunnally Johnson
Produção: Nunnally Johnson
Música Original: Arthur Lange
Direção Musical: Hugo Friedhofer
Fotografia: Milton Krasner
Edição: Marjorie Johnson, Gene Fowler Jr.
Direção de Arte: Duncan Cramer
Figurino: Muriel King
Efeitos Sonoros: Frank McWhorter
Efeitos Especiais: Vernon Walker, Paul Lerpae
Nota: 8.4
Filme Assistido em: 1949

Elenco

Edward G. Robinson Professor Richard Wanley
Joan Bennett Alice Reed
Raymond Massey Promotor Frank Lalor
Edmund Breon Dr. Michael Barkstane
Dan Duryea Flynn / Ted
Thomas E. Jackson Inspetor Jackson
Dorothy Peterson Sra. Wanley
Arthur Loft Claude Mazard / Frank Howard / Charlie
Frank Dawson Collins
Robert Blake Dickie Wanley
Frank McClure Ascensorista
Carol Cameron Elsie Wanley
Arthur Space Capitão Kennedy
Tom Dillon Policial Dillon
Jack Gardner Fred, motorista do Promotor
Joel McGinnis Ascensorista
Harold McNulty Ascensorista
Frances Morris Estenógrafa

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Trilha Sonora de uma Comédia ou Drama (Hugo Friedhofer, Arthur Lange)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Richard Wanley é um professor de psicologia assistente da Faculdade Gotham, localizada em Nova York.  Sua mulher e filhos encontram-se de férias no Maine.  Assim, diariamente, após o trabalho, ele costuma se encontrar com o Dr. Michael Barkstane, um médico, e o Promotor Frank Lalor, dois grandes amigos, num clube de Manhattan, onde conversam, tomam drinques e eventualmente jantam.

Certa noite, após deixar o clube, ele pára na vitrine de uma Galeria de Arte para admirar uma tela que retrata uma bela mulher.  De repente, ele se surpreende ao constatar que a modelo que posara para o quadro, Alice Reed, acha-se parada na calçada ao seu lado.  Os dois iniciam uma conversa, que continua num Bar e termina na casa dela, onde ela lhe mostra o esboço de outros desenhos.

Antes dele se despedir, um homem alto e forte entra no apartamento de Alice e, ao vê-lo, interpreta mal sua presença ali e tenta matá-lo.  Ao sentir que está sendo estrangulado pelo estranho, Richard recebe uma tesoura de Alice e, num impulso de legítima defesa, consegue desferir alguns golpes contra o agressor, matando-o.  Ao perguntar-lhe sobre a identidade do tal homem, Alice lhe diz que o conheceu há pouco tempo, que o mesmo se apresentou como sendo Frank Howard, e que vinha lhe visitando uma vez por semana.

A primeira reação de Richard é a de telefonar para a polícia mas, num segundo momento, muda de idéia ao pensar em proteger sua reputação.  Assim, contando com a ajuda da jovem, ele coloca o morto em seu carro e o deixa numa mata a vários quilômetros do local.

No dia seguinte, ao se encontrar com seus amigos no clube, o promotor Lalor comenta que o milionário fundador do império da World Enterprises Inc., Claude Mazard, acha-se misteriosamente desaparecido.  Imediatamente, Richard percebe que se trata do homem que matara, pois entre seus pertences, ele e Alice encontraram um medalhão com as iniciais C e M.

O cadáver é encontrado por um escoteiro e, à medida que a polícia vai descobrindo pequenas pistas, as quais são comentadas por Frank Lalor no encontro diário, no clube, Richard começa a se sentir ameaçado de vir a ser descoberto.

Nesse ínterim, Flynn, um criminoso procurado pela polícia, que seguira Claude Mazard até o apartamento de Alice, ao ver sua fotografia nos jornais, conclui que a jovem deve estar envolvida com sua morte e resolve chantageá-la.  Assim, exige US$ 5 mil em dinheiro para ficar de boca calada.  Quando ele sai, prometendo voltar na noite seguinte, Alice telefona para Richard e este lhe dá a quantia exigida.  Os dois chegam a tramar a morte do chantagista.

Na hora estipulada, Flynn volta ao apartamento de Alice para pegar o dinheiro.  Ela lhe diz que só conseguiu amealhar US$ 2.900 e, ao tentar oferecer-lhe um drinque envenenado, seu nervosismo faz com que o bandido desconfie de suas intenções e não o tome.  Em seguida, ele decide vasculhar o apartamento da jovem e termina encontrando o resto do dinheiro e o medalhão de Claude Mazard.

Uma vez na rua, a umas duas quadras do apartamento dela, ocorre um confronto entre alguns policiais e o procurado Flynn.  Depois de uma troca de tiros, o chantagista cai morto.  Ao encontrar em seus bolsos o medalhão de Claude Mazard e os US$ 5 mil em dinheiro, a polícia conclui que Flynn foi o autor do assassinato do milionário, dando o caso por encerrado.

imagem

Comentários

Baseado no livro "Once Off Guard" de J. H. Wallis, "Um Retrato de Mulher" é um filme interessante e agradável de ser visto.  Realizado pelo mestre Fritz Lang, esse filme-noir envolve um homem e uma mulher num assassinato que poderá ameaçar e até mesmo destruir suas vidas.

A adaptação para o cinema foi realizada por Nunnally Johnson, um roteirista bem-sucedido da época que se tornou um competente diretor e poderoso produtor.  Muito bem dirigido por Lang, o filme apresenta um bom ritmo, um razoável nível de suspense e um final inesperado.  A trilha sonora, um de seus pontos altos, foi indicada ao Oscar.

No elenco, os principais atores apresentam-se muito bem, com destaques para as atuações de Raymond Massey, Edward G. Robinson, Joan Bennett e Dan Duryea.

CAA