Filmes por gênero

ARMADILHA (1950)

Ambush
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Embuscade (França, Bélgica)
Emboscada (Espanha)
L'imboscata (Itália)
Die letzten von Fort Gamble (Austria, Alemanha)
Väster om Arizona (Suécia)
Zasadzka (Polônia)
Baghold (Dinamarca)
Kuolleitten laakso (Finlândia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Faroeste
Direção: Sam Wood
Roteiro: Marguerite Roberts
Produção: Sam Wood, Armand Deutsch
Música Original: Rudolph G. Kopp
Fotografia: Harold Lipstein
Edição: Ben Lewis
Direção de Arte: Cedric Gibbons, Malcolm Brown
Figurino: Walter Plunkett
Guarda-Roupa: Helen Scovil Roup
Maquiagem: Jack Dawn
Efeitos Sonoros: Douglas Shearer
Nota: 7.2
Filme Assistido em: 1951

Elenco

Robert Taylor Ward Kinsman
John Hodiak Capitão Ben Lorrison
Arlene Dahl Ann Duverall
Marta Mitrovich Mary Carlyle
Leon Ames Major Breverly
Don Taylor Tenente Linus Delaney
Ray Teal Capitão J.R. Wolverson
Jean Hagen Martha Conovan
Bruce Cowling Tom Conovan
John McIntire Frank Holly
Chief Thundercloud Tana
Charles Stevens Diablito
Cliff Clark Capitão Harcourt
Robin Short Tenente Storrow
Richard Bailey Tenente Tremaine
Pat Moriarity Sargento Mack
James Harrison Sargento Isaacs
Pat O'Malley Oficial do Dia
Lane Chandler Doc Horton
Florence Lake Sra. Wolverson

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1878, Ward Kinsman, um explorador e caçador de índios, é persuadido pela Cavalaria dos Estados Unidos a encontrar Mary Carlyle, a filha de um general, que foi sequestrada por Apaches. Inicialmente, ele recusa a missão por temer uma grande perda de vidas, mas depois muda de posição quando Ann Duverall, uma atraente irmã de Mary, pede sua ajuda.

Antes de deixar o quartel da Cavalaria, Ward bate em Tom Conovan, um embriagado soldado que falsamente o acusara de ser um ladrão de cavalos. Martha Conovan, esposa de Tom, que sofreu muitos abusos do marido, está tendo um caso com o Tenente Linus Delaney. Acompanhado de um pequeno grupo de cavaleiros, Ward segue a trilha dos sequestradores de Mary até um acampamento índio, onde toma conhecimento de que ela ainda está viva, um pouco à frente do acampamento, sendo levada pelo bando de um índio conhecido como Diablito.

Ao relatar a descoberta ao Capitão Ben Lorrison, um amor antigo de Ann, Ward descobre que o Major Breverly foi ferido em um ataque por Conovan e que, agora, Ben Lorrison encontra-se no comando.

A expedição retorna ao Forte com um prisioneiro apache, Tana, e preparações são feitas para um ataque em grande escala contra a caravana do Diablito. Quando o Capitão Lorrison falsamente acusa o Tenente Delaney de causar ataque de Conovan ao Major Breverly e ordena a transferência do tenente, Ward, que não gosta do novo comandante, o desafia para uma briga.

Embora Ward receba uma surra de Lorrison, os dois decidem colocar de lado suas diferenças e fazerem os preparativos finais para a emboscada. Na véspera, Lorrison propõe a Ann, que mais tarde, diz a Ward que ela pretende aceitar a proposta recebida. Ward recusa-se a aceitar sua colocação e insiste que, no fundo, Ann é realmente apaixonada por ele.

No dia seguinte, quando a expedição parte em busca de Diablito, Ward mata Tana em legítima defesa quando o índio o engana e o ataca. O esquadrão da Cavalaria finalmente encontra os Apaches e, após uma batalha sangrenta e com a chegada dos reforços do Capitão J.R. Wolverson, Ward finalmente resgata Mary.

Embora ele esteja satisfeito com o resultado da emboscada, o Capitão Lorrison decide, com a ajuda de alguns de seus homens, sair atrás de um pequeno grupo de índios que conseguiu escapar. Percebendo que Lorrison e seus homens vão enfrentar um grande perigo, Ward decide segui-lo. Infelizmente, ele chega tarde demais e descobre que os indígenas haviam matado Lorrison e seus homens em uma emboscada.

Quando a expedição retorna ao Forte, Ann finalmente se reencontra com a irmã e, juntamente com os demais presentes no pátio, elas assistem ao hasteamento da bandeira dos Estados Unidos em honra dos mortos.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Sam Wood, a partir de um roteiro escrito por Marguerite Roberts, “Armadilha” é um faroeste norte-americano produzido pela Metro-Goldwyn-Mayer (MGM) em 1950.

Na direção, Wood realiza um trabalho razoavelmente bom, marcado principalmente pelo ritmo imposto à trama. O filme registra seu último trabalho, já que ele veio a morrer pouco antes de seu lançamento. No elenco, embora não se mostrem em seus melhores momentos, Robert Taylor e John Hodiak são os maiores destaques.

Enfim, “Armadilha” é um filme recomendado para os amantes do gênero faroeste.

CAA