Filmes por gênero

CONFLITO DE DUAS ALMAS (1939)

Golden boy
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Paixão mais forte (Portugal)
L'esclave aux mains d'or (França, Bélgica)
Passione (Itália)
Sueño dorado (Espanha)
El conflicto de dos almas (México)
Zloty chlopiec (Polônia)
Guldets magt (Dinamarca)
Kultapoika (Finlândia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama, Romance
Direção: Rouben Mamoulian
Roteiro: Lewis Meltzer, Daniel Taradash, Sarah Mason, Victor Heerman
Produção: William Perlberg
Música Original: Victor Young
Direção Musical: Morris Stoloff
Fotografia: Karl Freund, Nicholas Musuraca
Edição: Otto Meyer
Direção de Arte: Lionel Banks
Figurino: Robert Kalloch
Maquiagem: Hollis Donahue
Efeitos Sonoros: George Cooper
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 1996

Elenco

William Holden Joe Bonaparte
Barbara Stanwyck Lorna Moon
Adolphe Menjou Tom Moody
Lee J. Cobb Sr. Bonaparte
Joseph Calleia Eddie Fuseli
Sam Levene Siggie
Edward Brophy Roxy Lewis
Beatrice Blinn Anna
William H. Strauss Sr. Carp
Don Beddoe Borneo
Stanley Andrews Driscoll
Earl Askam Policial
Eddie Coke Fotógrafo
Don Brodie Reporter
Sayre Dearing Reporter
Eddie Fetherston Reporter
Charles Lane Repórter Drake
Tommy Garland Lutador de boxe
Mickey Golden Lutador de boxe
John Kerns Lutador de boxe
Robert Ryan Juiz de lutas de boxe
Ian McEwing Juiz de lutas de boxe
Larry McGrath Juiz de lutas de boxe
Charles Sullivan Juiz de lutas de boxe

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Trilha Sonora (Victor Young )

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Joe Bonaparte nasceu para ser violinista, mas de repente, ao sentir que a vida é passageira e que a prática do violino não o leva a lugar algum, ele decide trocar a música pelo boxe. Seu pai, proprietário de uma modesta mercearia, orgulha-se do dom musical do filho e gasta suas economias para comprar um violino de melhor qualidade para ele. Entretanto, na noite em que decide presentear o filho com o novo instrumento, Joe entra no ringue pela primeira vez, ganha cem dólares e decide que seu futuro está no boxe.

Nesse sentido, ele procura o treinador Tom Moody e, com sua ajuda, consegue realizar uma rápida ascensão nessa modalidade de esporte. No entanto, quando o boxe deixa de ser uma novidade, Joe sente sua consciência dizer-lhe que deve voltar para a música.

Por outro lado, Lorna Moon, namorada de Moody, faz de tudo para que ele continue lutando por fama e dinheiro. No entanto, os dois terminam se apaixonando e ela,  passando  a conhecê-lo melhor, muda de idéia e tenta convencê-lo a desistir do boxe.

Num determinado momento, quando Joe passa a desejar um título no Madison Square Garden, ele procura um influente gangster do boxe com a intenção de fazer um acordo, algo que Lorna e Moody o aconselharam a não fazer face às ligações dele com o submundo.

Embora preocupada, Lorna concorda em se casar com ele. A indecisão de Joe finalmente termina quando, em pleno ringue, ele mata um oponente com um de seus golpes. Torturado por sua consciência, ele abandona as luvas e volta para a casa do pai, para seu violino e para Lorna.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Rouben Mamoulian, mais conhecido pelos filmes “O Médico e o Monstro”, de 1931, “Rainha Christina”, de 1933, e “A Marca do Zorro”, de 1940, “Conflito de Duas Almas” é um ótimo filme do finalzinho dos anos 1930.

Baseado numa peça de Clifford Odets, o filme nos brinda com um ótimo roteiro, uma sólida produção, cujas melhores cenas envolvem a família e não o ringue, a bela música de Victor Young e, sem dúvida alguma, a excelente direção de Mamoulian.

No elenco, William Holden se sai bem em um de seus primeiros trabalhos para o cinema, aos 21 anos de idade. Entre os atores, como um todo, Barbara Stanwyck é o maior destaque, no papel de Lorna Moon.

CAA