Filmes por gênero

MOGAMBO (1953)

Mogambo
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Μογκάμπο (Grécia)
Могамбо (União Soviética, Bulgária)
Mogambo - Abenteuer in Afrika (Alemanha)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Aventura, Melodrama
Direção: John Ford
Roteiro: John Lee Mahin
Produção: Sam Zimbalist
Fotografia: Freddie Young, Robert Surtees
Edição: Frank Clarke
Direção de Arte: Alfred Junge
Guarda-Roupa: Helen Rose
Maquiagem: Colin Garde
Efeitos Sonoros: A.W. Watkins, Amy Fisher
Efeitos Especiais: Tom Howard, Bert Monk
Nota: 8.3
Filme Assistido em: 1954

Elenco

Clark Gable Victor Marswell
Ava Gardner Eloise Y. Kelly
Grace Kelly Linda Nordley
Donald Sinden Donald Nordley
Philip Stainton John Brown-Pryce
Eric Pohlmann Leon Boltchak
Laurence Naismith Capitão do Vapor
Denis O'Dea Padre Josef
Asa Etula Jovem nativa
Bruce Seton Wilson
Samburu Tribo do Quênia
Wagenia Tribo do Congo Belga
Bahaya Tribo de Tanganica
M'Beti Tribo da África Equatorial Francesa

Prêmios

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Grace Kelly)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Atriz (Ava Gardner)

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Grace Kelly)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Filme (Estados Unidos)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Atriz (Ava Gardner)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Victor Marswell é proprietário de uma empresa de guias de safáris especializada na captura e venda de animais selvagens para zoológicos e circos. Após uma tentativa frustrada para capturar um perigoso leopardo negro, ele volta de mau humor para seu rancho africano, onde descobre que uma bela e atraente mulher se acha lá instalada. A inesperada visitante, Eloise Y. Kelly, explica-lhe que viajou de Nova York a pedido de seu pretendente, um marajá indiano. Victor lhe diz que a pessoa a quem ela se refere é o marajá Bunganor e que ela vai ser obrigada a esperar o vapor da semana seguinte, para deixar a África.

Durante a semana, um romance gradualmente se desenvolve entre os dois, muito embora Victor não pense em levá-lo a sério. Paralelamente, ela conquista a afeição de dois de seus ajudantes, Leon Boltchak e John Brown-Pryce, este último mais conhecido como Brownie. No final da semana, quando já se sente completamente apaixonada por Victor, este a informa que o vapor que ela esperava acaba de chegar e que ela deve imediatamente preparar suas malas, o que a deixa magoada. Depois de lhe dar adeus, ele cumprimenta o antropólogo britânico, Donald Nordley, e sua bela esposa, Linda, que acabam de chegar para ficarem em seu rancho.

Embora Donald o tivesse contratado para ser seu guia, em suas pesquisas sobre gorilas, Victor não se mostra nada animado ao saber que o antropólogo pretende fazer a difícil viagem até a região dos gorilas, e se recusa a acompanhá-lo pessoalmente. É quando Eloise aparece, acompanhada pelo capitão do vapor, que informa a Victor que a embarcação teve problemas com o motor, o que levará aproximadamente quatro semanas para ser reparado.

Quando Donald fica doente em reação a uma vacina contra a mosca tsé-tsé, Victor cuida dele, a seu modo, mas sua atitude insensível ofende Linda, que o agride. Tarde da noite, Donald se mostra bem melhor, o que faz com que Linda procure Victor e lhe peça desculpas por seu comportamento intempestivo. Na manhã seguinte, depois de se apresentar à Linda, Eloise resolve dar uma caminhada pela selva e Victor decide ir atrás dela, encontrando-a a tempo de salvá-la de um leopardo negro. No caminho de volta, os dois são apanhados por uma forte tempestade de vento, e quando já se acham perto de casa, ele a carrega, surgindo uma atração desconfortável entre os dois.

Naquela noite, Eloise, que tinha presenciado um momento de aproximação entre Victor e Linda, diz algumas indiretas com eles durante todo o jantar, o que faz com que Victor, de repente, anuncie que resolveu acompanhar os Nordleys à região dos gorilas. Brownie sugere que Eloise participe da festa safári e pegue um vôo para o Cairo, quando chegar à Estação de Kenya. O grupo parte e a relação entre Linda e Eloise torna-se bastante tensa entre as duas, principalmente por Eloise se mostrar completamente apaixonada por Victor. Ao pararem em uma Missão dirigida pelo Padre Josef, este concorda em fornecer canoas e homens para a expedição, após Victor participar de uma perigosa "cerimônia de coragem." Eloise aproveita a oportunidade para se confessar com o padre Josef e, em seguida, pede desculpas a Linda, que arrogantemente rejeita sua oferta de amizade.

A jornada continua, e ao atingirem o território Samburu, eles encontram o chefe da Estação gravemente ferido, vítima de um levante indígena iniciado na noite anterior. Eloise, então, não tem outra escolha a não ser seguir com grupo até a região dos gorilas, enquanto aguarda outra solução por parte de Victor. Em conversa com Brownie, ela comenta que era casada quando seu marido foi morto durante a guerra. Enquanto isso, durante um passeio, Linda fala para Victor que cresceu em um círculo de classe alta, tendo dificuldades para se ajustar à vida na selva. A excitação e o medo que diz sentir por se achar ali, toca o coração de Victor, fazendo com que este se sinta atraído por ela. Os dois começam um caso e Linda se mostra decidida a deixar Donald, rejeitando naquela mesma noite os avanços do marido.

Quando a expedição chega à região dos gorilas, Victor diz à Linda que vai conversar com Donald, sobre eles, no dia seguinte. No entanto, enquanto os homens se preparam para pegar um bebê-gorila, Donald comenta com Victor que teme que a viagem esteja sendo difícil para Linda, a ponto dela ter esquecido seu aniversário de casamento. A forma como Donald fala de seu amor pela esposa, faz com que Victor perceba que não pode lhe dizer a verdade sobre seu caso.

Naquela noite, no posto de observação, Boltchak faz alguns comentários insinuantes para Donald, sobre Victor e Linda, deixando-o enfurecido. Por outro lado, Eloise encontra Victor bebendo em sua tenda, deduzindo que se trata da conseqüência do encontro que tivera com Donald. Ela o acompanha na bebida e, logo após se sentar no colo dele, Linda aparece na tenda. Procurando uma forma de terminar seu relacionamento com Linda, Victor se mostra grosseiro com ela que, histérica, atira em seu braço. Logo a seguir, Donald entra na tenda e, improvisando rapidamente, Eloise lhe diz que Victor estava tomando liberdade com Linda, quando ela atirou nele. Na manhã seguinte, os Nordleys partem e Victor pede à Eloise que se case com ele.

imagem

Comentários

Baseado numa história de Wilson Collison, “Mogambo” é um filme muito bom de aventura/melodrama distribuído pela Metro-Goldwyn-Mayer nos anos 50. Roteirizado por John Lee Mahin e dirigido pelo lendário John Ford, mais conhecido por seus inesquecíveis filmes de faroeste, sua trama gira em torno de um triângulo amoroso que se desenvolve durante um safári nas selvas africanas.

O trabalho de John Ford dispensa comentários. Aqui, ele é ajudado pelo belo trabalho fotográfico de Freddie Young e Robert Surtees. Juntos, conseguem tirar o máximo de proveito dos ambientes naturais com suas locações exóticas. Embora muito bom, como dito acima, “Mogambo” se mostra melhor em sua primeira fase, antes do safári.

Quanto ao elenco, este é sem dúvida o ponto mais alto do filme. Ava Gardner se mostra fantástica e, facilmente, rouba o show. Indicada ao Oscar de Melhor Atriz, perdeu a estatueta para Audrey Hepburn pelo desempenho desta em “A Princesa e o Plebeu”. Por outro lado, embora não atinja o nível alcançado por Gardner, Grace Kelly também está maravilhosa como a esposa do antropólogo britânico, tendo sido indicada ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante, perdendo a estatueta para Donna Reed por sua atuação em “A Um Passo da Eternidade”. Finalmente, embora não nominado a qualquer premiação, Clark Gable nos brinda com uma ótima performance no papel do guia do safári.

CAA