Filmes por gênero

THELMA E LOUISE (1991)

Thelma & Louise
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Thelma et Louise (França, Canadá)
Thelma y Louise (Argentina)
Un final inesperado (Venezuela)
Thelma i Louise (Polônia, Croácia)
Thelma és Louise (Hungria)
Thelma och Louise (Finlândia)
Thelma og Louise (Dinamarca)
Тельма и Луиза (Rússia)
Pais: Estados Unidos, França
Gênero: Aventura, Crime, Drama
Direção: Ridley Scott
Roteiro: Callie Khouri
Produção: Ridley Scott, Mimi Polk Gitlin
Design Produção: Norris Spencer
Música Original: Hans Zimmer
Direção Musical: Kathy Nelson
Fotografia: Adrian Biddle
Edição: Thom Noble
Direção de Arte: Lisa Dean
Figurino: Elizabeth McBride
Guarda-Roupa: Taneia Lednicky, Janet Powell, Nisa Kellner
Maquiagem: Richard Arrington, Bonita DeHaven
Efeitos Sonoros: Jim Shields, Bob Risk, Michael Carter e outros
Efeitos Especiais: Stan Parks, Tim Moran, Todd Jensen, K. Quibell, Paul Stewart
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 1992

Elenco

Susan Sarandon Louise Elizabeth Sawyer
Geena Davis Thelma Yvonne Dickinson
Harvey Keitel Investigador Hal Slocumb
Michael Madsen Jimmy Lennox
Christopher McDonald Darryl Dickinson
Stephen Tobolowsky Max
Brad Pitt J.D.
Timothy Carhart Harlan
Lucinda Jenney Lena, garçonete
Sonny Carl Davis Albert
Ken Swofford Major
Carol Mansell Garçonete
Stephen Polk Vigilante
Marco St. John Motorista de caminhão
Kristel L. Rose Jovem fumando
Jason Beghe Policial
Shelly DeSai Empregada do East Indian Motel
John Michael Quinn Proprietário do Café
Jason Beghe .
Jack Lindine .
Kristel L. Rose .
John Carey .

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Roteiro Original (Callie Khouri)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Roteiro (Callie Khouri)

Prêmios Bodil - Copenhague, Dinamarca

Bodil de Melhor Filme Não Europeu (Ridley Scott)

Sociedade dos Críticos de Cinema de Boston

Prêmio de Melhor Atriz (Geena Davis)

Prêmios David di Donatello, Itália

David de Melhor Atriz Estrangeira (Susan Sarandon)

David de Melhor Atriz Estrangeira (Geena Davis)

Círculo de Críticos de Cinema de Londres, Inglaterra

Prêmio Filme do Ano

Prêmio Atriz do Ano (Susan Sarandon)

Prêmio Diretor do Ano (Ridley Scott)

Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália

Prêmio Fita de Prata de Melhor Dublagem Feminina (Rossella Izzo )

Festival Internacional de Valladolid, Espanha

Prêmio Espiga de Ouro (Ridley Scott)

Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos

Preêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Harvey Keitel)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Roteiro escrito diretamente para o cinema (Callie Khouri)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção (Ridley Scott)

Oscar de Melhor Edição (Thom Noble)

Oscar de Melhor Atriz (Geena Davis)

Oscar de Melhor Atriz (Susan Sarandon)

Oscar de Melhor Fotografia (Adrian Biddle )

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Prêmio de Melhor Atriz em um Drama (Susan Sarandon)

Prêmio de Melhor Atriz em um Drama (Geena Davis)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Direção (Ridley Scott)

Prêmio de Melhor Atriz (Geena Davis)

Prêmio de Melhor Atriz (Susan Sarandon)

Prêmio de Melhor Fotografia (Adrian Biddle )

Prêmio de Melhor Edição (Thom Noble )

Prêmio de Melhor Filme (Mimi Polk Gitlin, Ridley Scott)

Prêmio de Melhor Trilha Sonora (Hans Zimmer)

Prêmio de Melhor Roteiro Original (Callie Khouri)

Associação dos Críticos de Cinema de Chicago

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Diretor (Ridley Scott)

Prêmio de Melhor Atriz (Geena Davis)

Prêmio de Melhor Atriz (Susan Sarandon)

Prêmio de Melhor Roteiro (Callie Khouri )

Prêmio de Melhor Revelação Masculina (Brad Pitt)

Prêmios César - Academia das Artes do Cinema, França

César de Melhor Filme Estrangeiro (Ridley Scott)

Prêmios David di Donatello, Itália

David de Melhor Filme Estrangeiro (Ridley Scott)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Ridley Scott)

Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália

Prêmio Fita de Prata de Melhor Diretor de Filme Estrangeiro (Ridley Scott)

Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles, EUA

Prêmio de Melhor Atriz (Geena Davis)

Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos

Prêmio de Melhor Atriz (Susan Sarandon)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Atriz (Geena Davis)

Prêmio de Melhor Atriz (Susan Sarandon)

Prêmio de Melhor Roteiro (Callie Khouri)

Prêmios Sant Jordi de Barcelona

Prêmio de Melhor Atriz Estrangeira (Susan Sarandon)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Louise é uma garçonete de um restaurante 'fast food' e tem problemas com seu amigo Jimmy, um músico que está sempre viajando.  Thelma é casada com Darryl Dickinson, que gosta de vê-la na cozinha a fim de poder assistir, tranqüilamente, futebol pela TV.  Um dia, as duas amigas decidem sair de suas rotinas e viajar para as montanhas, a fim de passarem o fim-de-semana pescando.

Durante a viagem de automóvel, param num Bar, onde bebem e se divertem um pouco.  Ao final, enquanto Louise vai ao toalete, um estranho acompanha Thelma até o estacionamento, onde tenta estuprá-la.  Louise chega a tempo e o ameaça com um revólver.  Quando as duas se preparam para deixar o local, ele as xinga e, num ato impensado, Louise aperta o gatilho e o mata.

Thelma sugere que procurem a polícia, mas Louise é contra, alegando que ninguém vai acreditar na história delas.  Voltando à estrada, diz que vai parar na próxima cidade, pegar um hotel e pensar melhor sobre o que fazer.  Uma vez lá, Louise telefona para Jimmy, a quem pede que transfira US$ 6.700 para Oklahoma City.  Em seguida, diz à Thelma que tomou a decisão de ir para o México, o que não a obriga a acompanhá-la.

Ao pararem num Posto de Serviços para reabastecimento, Thelma liga para o marido avisando-o que estará de volta no dia seguinte.  Ele a trata mal e exige que ela volte imediatamente.  Ao sentir o que a espera em casa de seu marido tirano, muda de idéia e decide seguir com Louise para o México.

A partir de informações sobre o carro, o Investigador Hal Slocumb procura Darryl, a quem fala sobre o assassinato e sobre a crença de que a mulher dele esteja em companhia de Louise Sawyer.

Ao chegarem à Oklahoma City, Louise vai sacar a Ordem de Pagamento e encontra Jimmy em pessoa.  Os três se hospedam num pequeno hotel.  Louise, que vai ficar num quarto com Jimmy, pede à Thelma que guarde os US$ 6.700.  Logo depois, esta permite que J.D., um jovem a quem deram carona no último trecho, durma com ela.  Enquanto conversam, ele lhe diz ser um ladrão de postos de gasolina e lojas de conveniência e, ao notá-la interessada, conta-lhe detalhes de como age em seus roubos.  Na manhã seguinte, depois que Jimmy e J.D. vão embora, elas descobrem que o dinheiro foi roubado.  Louise fica arrasada.

Sentindo-se culpada pelo ocorrido, Thelma, usando as técnicas aprendidas com J.D., rouba uma loja que encontram na beira da estrada.  O circuito interno de TV registra o ocorrido e, em pouco tempo, as imagens estão nas mãos de Hal.

A polícia prende J.D. com US$ 6.600 e o obriga a contar tudo o que sabe sobre Thelma e Louise.  Através dele, Hal toma conhecimento que elas estão pretendendo fugir para o México.  Assim, ele começa a armar um plano para prendê-las.

Na estrada, um patrulheiro as aborda.  Quando ele vai avisar pelo rádio que as localizou,  Thelma o ameaça com um revólver.  As duas o deixam preso no porta-malas da viatura policial e seguem viagem.  Mais adiante, o motorista de um caminhão-tanque por várias vezes faz gestos obscenos para elas, além de propostas imorais.  Fingindo aceitar suas propostas, elas param o carro e o ficam aguardando.  Depois de estacionar o veículo, ele salta e segue em direção a elas.  As duas puxam suas armas e exigem que ele lhes peça desculpas.  A cada recusa, perfuram um dos pneus com uma bala até que, ao serem mais uma vez xingadas por ele, atingem o tanque de combustível do caminhão, provocando uma tremenda explosão.

Continuando em sua fuga rumo ao México, elas finalmente são localizadas pela polícia.  Em pouco tempo, vários carros policiais e um helicóptero do FBI fecham o cerco às fugitivas, junto ao Grand Canyon.  Com eles, chega também o investigador Hal.  Este insiste por uma abordagem pacífica, mas os policiais não o ouvem e tomam atitudes beligerantes.  Sentindo-se encurraladas, Thelma e Louise decidem acelerar o carro e se jogam do alto do Canyon, localizado a mais de 1.000 metros de altura.

imagem

Comentários

"Thelma e Louise" é um excelente filme.  Brilhantemente escrito pela roteirista  Callie Khouri e magnificamente dirigido pelo cineasta Ridley Scott, o filme trata da história de duas amigas que decidem passar um fim-de-semana nas montanhas do centro-oeste americano, descansando e pescando e que, por uma fatalidade, transformam suas vidas num verdadeiro inferno, muito embora nada reclamem pela sensação de liberdade que passam a vivenciar.

Além dos belos trabalhos apresentados por Khouri e Scott, que mantêm um ritmo irretocável, o filme nos apresenta, ainda, a esplêndida fotografia de Adrian Biddle, a montagem precisa de Thom Noble, a música emblemática de Hans Zimmer e as magníficas e inesquecíveis interpretações de Geena Davis e Susan Sarandon, o que fazem do mesmo um verdadeiro prazer ao assisti-lo.  Essas duas grandes atrizes, indicadas ao Oscar de Melhor Atriz, o perderam para Jodie Foster, por sua atuação em "O Silêncio dos Inocentes".

CAA