Filmes por gênero

ESCÂNDALOS NA RIVIERA (1951)

On the Riviera
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Sur la Riviera (França, Bélgica)
Divertiamoci stanotte (Itália)
En la Costa Azul (Espanha)
An der Riviera (Austria, Alemanha)
På Rivieran (Suécia)
Aan de Riviera (Holanda)
Ved Rivieraen (Dinamarca)
A Riviérán (Hungria)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Comédia, Musical
Direção: Walter Lang
Roteiro: Valentine Davies, Phoebe Ephron, Henry Ephron
Produção: Sol C. Siegel
Música Original: Alfred Newman
Direção Musical: Alfred Newman
Fotografia: Leon Shamroy
Edição: J. Watson Webb Jr.
Direção de Arte: Lyle R. Wheeler, Leland Fuller
Figurino: Travilla
Guarda-Roupa: Charles Le Maire, Oleg Cassini
Maquiagem: Ben Nye
Efeitos Sonoros: Roger Heman Sr., E. Clayton Ward
Efeitos Especiais: Fred Sersen
Nota: 8.4
Filme Assistido em: 1953

Elenco

Danny Kaye Jack Martin / Henri Duran
Gene Tierney Lili Duran
Corinne Calvet Colette
Marcel Dalio Philippe Lebrix
Jean Murat Felix Periton
Henri Letondal Louis Foral
Clinton Sundberg Antoine
Sig Ruman Gapeaux
Joyce Mackenzie Mimi
Monique Chantal Minette
Marina Koshetz Mme. Louise Cornet
Ann Codee Mme. Madeleine Periton
Mari Blanchard Eugenie
George Davis Leon
Peter Camlin Reporter
Francesca De Scaffa Elna Petrovna
Joi Lansing Marilyn Turner
Bess Flowers Mulher assistindo TV no Bar
Rosario Imperio Dançarina espanhola

Prêmios

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Ator em um Musical ou Comédia (Danny Kaye)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Trilha Sonora (Alfred Newman )

Oscar de Melhor Direção de Arte - Decoração de Cenários (Lyle R. Wheeler, Leland Fuller, Joseph Wright, Thomas Little, Walter Scott)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Roteiro de um Musical Americano (Valentine Davies, Phoebe Ephron, Henry Ephron)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

O artista americano Jack Martin e sua namorada francesa, Colette, estão se apresentando na boate Côte d’Azur, na Riviera, quando o público se apressa para assistir a um programa televisivo sobre o desembarque do famoso aviador Capitão Henri Duran. Duran, que também é conhecido por suas escapadas românticas, é saudado por sua amável e paciente esposa, Lili, e por seus dois parceiros, Philippe Lebrix e Louis Foral. Jack é surpreendido com sua estranha semelhança com Duran, e logo depois, quando Gapeaux, o dono da boate, ameaça demiti-lo, a menos que ele apresente uma excelente novidade, ele decide fazer uma imitação do famoso aviador.

Lili, Duran, Philippe e Louis assistem à estreia do novo show de Jack, onde Duran é considerado como um caçador de mulheres de renome mundial. No final do espetáculo, quando ele vai aos bastidores para felicitar Jack, ele conhece Colette e, encantado com sua beleza, a convida para uma próxima recepção em sua casa. Enquanto isso, Jack vai até o bar, onde encontra Lili e Louis. Lili se mostra divertida quando Jack flerta com ela, e depois que ela vai embora, Colette joga sua bolsa contra o enfeitiçado Jack. Mais tarde, Philippe e Louis veem Lili conversando com Felix Periton, o principal rival de Duran e provável comprador de cinquenta de seus novos aviões. Periton, que está ciente de que Duran está tendo dificuldades financeiras, vem retardando a assinatura do contrato de compra dos aviões para forçar a falência de Duran.

Desconhecendo os problemas do marido, Lili convida Periton para a recepção que deverá ser realizada naquela noite. Louis e Philippe ficam horrorizados com a situação, especialmente quando descobrem que Duran partiu para Londres a fim de tentar um empréstimo com um amigo. Desesperados para que Periton não perceba sua ausência, Louis e Philippe contratam Jack para representar o aviador na recepção. Assim, quando Periton tenta envolver Jack em uma conversa de negócios, Louis e Philippe o resgatam sob a alegação de que ele recebeu uma chamada urgente do Ministério da Aeronáutica.

Enquanto isso, furiosa com a ausência de Jack, Colette decide participar da recepção de Duran para fazer ciúmes a ele. No entanto, ao ver os óculos do míope Jack no bolso de seu smoking, percebe que ele não é Duran. Colette, então, revela que Gapeaux providenciou para que o show daquela noite seja transmitido pela televisão, o que faz com que ele peça desculpas à Lili, prometendo voltar em breve. Quando Jack está indo embora, Duran retorna da viagem e, ao vê-lo, deduz que Jack está se fazendo passar por ele.

Apesar dos avisos de Colette de que ela vai acabar seu relacionamento se ele retornar à casa de Lili, Jack volta até lá, onde é perseguido por Periton, que insiste em saber os detalhes da conversa com o Ministro da Aeronáutica. Duran e seus parceiros, por outro lado, esperam ansiosamente os resultados da conversa entre Periton e Jack, mas Periton vai embora sem revelar os detalhes. Duran, preocupado que Lili esteja apaixonada por Jack, não lhe diz que trocou de lugar com seu sósia. Sem que ele soubesse, Lili estava ciente de seu subterfúgio, e na manhã seguinte, quando Duran comenta com Louis e Philippe que passou uma noite romântica com sua esposa, eles lhe asseguram que Lili estava apenas tentando lhe dar uma lição.

A conversa é interrompida com a chegada de Periton, que paga a Duran 30 bilhões de francos por seus aviões. Embora se ache feliz com o sucesso das negociações empreendidas acidentalmente por Jack, Duran elabora uma mentira para convencer Lili de que ela, na realidade, teria passado a noite com Jack. Como resultado, ela se mostra extremamente culpada por ter inadvertidamente traído o marido, mas quando Jack volta para recuperar suas roupas, ela descobre a verdade. Na ocasião, ela lhe pede para fazer ciúmes ao marido, mas ao invés disso, ele diz a Duran que ele precisa deixar de ser um mulherengo e prestar mais atenção à Lili, que é tão dedicada a ele. Duran aceita seus conselhos e, à noite, vai com Lili à boate para assistir a mais uma apresentação de Jack.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Walter Lang, a partir de um roteiro escrito por Valentine Davies, Phoebe Ephron e Henry Ephron, “Escândalos na Riviera” é uma ótima comédia musical produzida pela Twentieth Century Fox Film Corporation em 1951. Sua trama, baseada numa peça assinada por Rudolph Lothar e Hans Adler, é muito bem conduzida por Lang e interpretada por uma plêiade de atores, onde se destacam Gene Tierney, Corinne Calvet e, principalmente, Danny Kaye.

O filme conta, ainda, com a magnífica trilha sonora a cargo de Alfred Newman, bem como, com a bela fotografia assinada por Leon Shamroy.

Enfim, “Escândalos na Riviera” é um filme que recomendo, principalmente para os amantes do gênero.

CAA