Filmes por gênero

CINCO COVAS NO EGITO (1943)

Five graves to Cairo
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Les cinq secrets du désert (França)
I cinque segreti del deserto (Itália)
Cinco tumbas al Cairo (Espanha, Argentina)
Fünf gräber bis Kairo (Alemanha)
Vägen till Cairo (Suécia)
Ørkenens hemmelighed (Dinamarca)
Piec grobów na drodze do Kairu (Polônia)
Пять гробниц по пути в Каир (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: 2ª Guerra Mundial
Direção: Billy Wilder
Roteiro: Billy Wilder, Charles Brackett
Produção: Charles Brackett, Buddy G. DeSylva
Música Original: Miklós Rózsa
Fotografia: John F. Seitz
Edição: Doane Harrison
Direção de Arte: Hans Dreier, Ernst Fegté
Figurino: Edith Head
Maquiagem: Wally Westmore
Efeitos Sonoros: Ferrol Redd, Philip Wisdom
Nota: 8.4
Filme Assistido em: 1947

Elenco

Franchot Tone Cabo John Bramble / Paul Davos
Anne Baxter Mouche
Akim Tamiroff Farid
Erich von Stroheim Marechal de Campo Erwin Rommel
Peter van Eyck Tenente Schwegler
Fortunio Bonanova General Sebastiano
Ian Keith Capt. St. Bride
Konstantin Shayne Major Von Buelow
Miles Mander Coronel Fitzhume
Fred Nurney Major Lamprecht
Leslie Denison Capitão britânico
Otto Reichow Engenheiro alemão
Bud Geary Comandante do Tanque Inglês
Frederick Giermann Sargento alemão
Bill Mussetter Schwegler
Sam Waagenaar Ordenança de Rommel
Clyde Jackman Ordenança de Rommel
Kenneth Anspach Soldado alemão
Peter Pohlney Soldado alemão
John Royce Técnico alemão

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Fotografia em Preto e Branco (John F. Seitz)

Oscar de Melhor Direção de Arte - Decoração de Interiores (Hans Dreier, Ernst Fegté, Bertram C. Granger)

Oscar de Melhor Edição (Doane Harrison)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Depois que as tropas nazistas, sob o comando do Marechal de Campo, Erwin Rommel, derrotam os aliados em Tobruk, o único sobrevivente de um tanque britânico, cabo John Bramble, consegue chegar a um pequeno hotel em Sidi Halfaya, onde encontra o proprietário, Farid, um egípcio, e a camareira, Mouche, uma francesa de Marselha.  As tropas britânicas, que se achavam na pequena localidade, haviam batido em retirada.

Conquistada Tobruk, Rommel passa a concentrar seus esforços nos preparativos para as invasões de Alexandria e do Cairo.  Nesse sentido, o marechal chega à Sidi Halfaya acompanhado de 200 homens, dentre os quais acham-se o tenente Schwegler e um general italiano, Sebastiano.  Bramble decide assumir a identidade do antigo garçom do hotel e informante nazista, Paul Davos, morto no bombardeio do dia anterior.  Rommel transforma o hotel de Farid em seu QG.

Em princípio, Bramble pensa em matar o Marechal de Campo, mas evolui para a idéia de descobrir o segredo sobre as cinco covas que, acredita, tem a ver com os planos de Rommel.  Mouche não se mostra amigável com ele, pois pretende negociar com os nazistas a liberdade de um irmão que se acha preso em Wittemberge.

Um grupo de oficiais ingleses presos chega à Sidi Halfaya, oportunidade em que Rommel oferece um almoço a todos.  Durante a refeição, o marechal permite que os prisioneiros lhe façam até vinte perguntas.  Uma delas refere-se ao plano dele chegar ao Cairo em seis dias, sem contar com uma boa estrutura de suprimentos.  Orgulhoso, Rommel lhes responde que em 1937, dois anos do início da guerra, os alemães enterraram suprimentos nas areias do Egito, bem debaixo dos narizes dos ingleses, contendo milhares de galões de petróleo, água, munição e peças de reposição para tanques.  Mais tarde, quando ele se encontra a sós com Bramble, ao examinar um mapa do norte da África, confidencia que suas colunas já chegaram ao objetivo Y, e que não terão problemas em alcançarem os G e T.  Em seguida, diz que ele, que pensa tratar-se do espião Davos, deverá partir para o Cairo naquela noite.

Em conversa com Farid, Bramble descobre que, em fevereiro de 1937, o Prof. Cronstätter, famoso arqueólogo alemão, esteve no Egito a fim de fazer escavações em busca de uns túmulos, ficando claro que, na realidade, os nazistas estiveram construindo os depósitos de suprimentos aos quais Rommel se referiu.  O problema de Bramble passa a ser o de descobrir o que significam as letras Y, G e T.  Depois de quebrar a cabeça por duas horas, ele finalmente descobre a localização das cinco covas onde se acham os suprimentos de Rommel:  nos locais do mapa que correspondem às letras E-G-Y-P-T.

O Tenente Schwegler descobre que Bramble não é Davos, o que leva este a matar o oficial alemão.  Mouche é considerada responsável pelo assassinato de Schwegler, sendo presa.

Enquanto isso, Bramble viaja para o Cairo, conforme determinação de Rommel.  Graças à cópia do mapa por ele feito, mostrando as cinco covas no Egito, os suprimentos alemães são bombardeados, de modo que, Rommel e suas tropas não conseguem ir além de El Alamein.

Em outubro de 1942, ao som de uma gaita escocesa, o 8º Exército do Gen. Montgomery inicia sua contra-ofensiva.  Em 12 de novembro do mesmo ano, os ingleses voltam à Sidi Halfaya.  O agora tenente John Bramble entra no hotel de Farid, levando um guarda-sol com cabo de marfim para dar de presente à Mouche, mas toma conhecimento que ela foi morta pelos nazistas.  Em companhia de Farid, visita seu túmulo.

imagem

Comentários

"Cinco Covas no Egito" é um ótimo filme sobre a 2ª Guerra Mundial.  Realizado pelo cineasta Billy Wilder, que também participou da elaboração do roteiro, o filme mostra as trajetórias de um militar inglês e do legendário marechal de campo,  Erwin Rommel, desde a devastadora vitória nazista em Tobruk, até a contra-ofensiva aliada que expulsou os alemães do norte da África.

Rodado em 1943, ou seja, dois anos antes do término da 2ª Guerra, o filme é, sem dúvida, uma bem escrita peça de propaganda aliada.  A trama e o ritmo impostos por Wilder prendem a atenção do espectador do início ao fim.

Além do ótimo trabalho realizado por Wilder, o filme conta ainda com a bela fotografia de John Seitz, com um bom trabalho de montagem e com ótimas atuações, principalmente as oferecidas por Erich von Stroheim, Franchot Tone, Anne Baxter e Akim Tamiroff.

O almoço oferecido por Rommel, a um grupo de oficiais prisioneiros ingleses, lembra o relacionamento cavalheiresco mostrado em "A Grande Ilusão", 1937, de Jean Renoir.

CAA