Filmes por gênero

UMA MULHER ORIGINAL (1940)

Susan and God
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: As teorias de Susana (Portugal)
Suzanne et ses idées (França)
Peccatrici folli (Itália)
Susana y Dios (Espanha)
Susana y su Dios (México)
The Gay Mrs. Trexel (UK)
Susan und der liebe Gott (Alemanha)
Susan älskar alla (Suécia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Comédia Dramática
Direção: George Cukor
Roteiro: Anita Loos
Produção: Hunt Stromberg
Música Original: Herbert Stothart
Fotografia: Robert H. Planck
Edição: William H. Terhune
Direção de Arte: Cedric Gibbons
Figurino: Adrian
Maquiagem: Sydney Guilaroff
Efeitos Sonoros: Douglas Shearer
Nota: 7.9
Filme Assistido em: 1997

Elenco

Joan Crawford Susan Trexel
Fredric March Barrie Trexel
Ruth Hussey Charlotte
Rita Hayworth Leonora Stubbs
Bruce Cabot Michael O'Hara
Rose Hobart Irene Burroughs
Constance Collier Lady Millicent Wigstaff
Rita Quigley Blossom Trexel
Nigel Bruce Hutchins Stubbs
Gloria DeHaven Enid
Richard Crane Bob Kent
John Carroll Clyde Rochester
Norma Mitchell Hazel Paige
Marjorie Main Mary Maloney
Aldrich Bowker Patrick Maloney
Dan Dailey Homer, agente de publicidade
Joan Leslie Convidada na festa
Susan Peters Convidada na festa
Jane Drummond Rose
Herbert Evans David
Romaine Callender Oliver Leeds
Bobby Hale Tom
Harold Landon Christopher
Louis Payne Dave
Henryette Yate Fifi

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Susan Trexel é uma dama da sociedade que retorna da Europa antes do esperado, entusiasmada com um novo movimento religioso. Seu marido, Barrie, que passou a beber por causa de sua insensibilidade em relação à filha introvertida e desajustada, Blossom, ao tomar conhecimento de sua volta, corre até o porto para recebê-la, mas ela consegue evitá-lo e foge para a casa de campo de uma amiga, Irene Burroughs.

Uma vez lá, por conta de sua nova forma de ver a vida, ela passa a fazer sermões junto a seus amigos, insistindo que todos devem ser honestos em seus relacionamentos. Nessa linha, insiste para que a amiga Leonora Stubbs deixe seu marido idoso, Hutchins Stubbs, e volte para os palcos. Em relação à Irene, que a acolheu em sua casa de campo, Susan afirma que ela não é a pessoa adequada para seu amante, Michael O'Hara.

Certo dia, Barrie, seu marido, chega à casa de Irene e implora o perdão de Susan, pedindo-lhe uma nova chance para o bem de sua filha, concordando inclusive em lhe conceder o divórcio, se esse for seu desejo. Susan concorda em passar o verão com a família, o que deixa Blossom muito feliz.

Aos poucos, ela começa a perceber que sua filha precisa realmente dela. Barrie, por outro lado, é levado a uma nova paixão, acreditando que sua mulher está dando sinais de sua maturidade. No entanto, no dia do aniversário de Blossom, ao receber um convite de Lady Millicent Wigstaff, ela larga tudo e decide viajar para Newport, em Rhode Island.

O egoísmo de Susan faz com que Barrie volte a beber e, desolado, pergunta à Charlotte, uma velha amiga que sempre o amou, se ainda deseja se casar com ele.

Na estação da estrada de ferro, no entanto, Susan percebe que ela agiu de forma egoísta e que o amor de sua família é a coisa mais importante em sua vida. Assim, decide voltar para casa e pedir uma nova chance a Barrie. Percebendo que Susan ainda ama o marido, Charlotte rejeita a proposta de casamento recebida.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta nova-iorquino George Cukor, a partir de um roteiro escrito por Anita Loos, “Uma Mulher Original” é um interessante filme da Metro-Goldwyn-Mayer do início dos anos 1940. Sua trama, baseada na celebrada peça de Rachel Crothers, de mesmo nome, conta a história de uma dama da sociedade, que ao ser tomada por um repentino fervor religioso, muda a forma de se relacionar com seus amigos e familiares.

Na direção Cukor realiza um bom trabalho. O figurino de Adrian é um dos pontos altos do filme que merece destaque. No elenco, embora não seja um de seus melhores trabalhos, Joan Crawford se sobressai ao lado de Fredric March.

Enfim, “Uma Mulher Original” é um filme que merece ser visto, principalmente pelos fãs de Crawford.

CAA