Filmes por gênero

RAZÃO E SENSIBILIDADE (1995)

Sense and sensibility
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Sensibilidade e bom senso (Portugal)
Raison et sentiments (França, Canadá)
Ragione e sentimento (Itália)
Sensatez y sentimientos (Argentina, México, Peru, Venezuela)
Sentido y sensibilidad (Espanha)
Sinn und Sinnlichkeit (Alemanha)
Förnuft och känsla (Suécia)
Fornuft og følelse (Dinamarca)
Разум и чувства (Rússia)
Pais: Estados Unidos, Reino Unido
Gênero: Drama, Romance
Direção: Ang Lee
Roteiro: Emma Thompson
Produção: Lindsay Doran
Design Produção: Luciana Arrighi
Música Original: Patrick Doyle
Direção Musical: Maggie Rodford, Robert Ziegler
Coreografia: Stuart Hopps
Fotografia: Michael Coulter
Edição: Tim Squyres
Direção de Arte: Andrew Sanders, Philip Elton
Figurino: Jenny Beavan, John Bright
Guarda-Roupa: Janet Tebrooke, Anna Kot, Yvonne Hobbs, Joe Hobbs
Maquiagem: Morag Ross, Sallie Jaye, Miri Ben-Schlomo
Efeitos Sonoros: Reilly Steele, Steve Hamilton, Tony Dawe e outros
Efeitos Especiais: Jeff Clifford, Ricky Farns
Efeitos Visuais: Randall Malsmeyer, Kathy Kelehan, Daniel Leung
Nota: 8.9
Filme Assistido em: 1996

Elenco

James Fleet John Dashwood
Emma Thompson Elinor Dashwood
Kate Winslet Marianne Dashwood
Hugh Grant Edward Ferrars
Tom Wilkinson Sr. Dashwood
Harriet Walter Fanny Dashwood
Gemma Jones Sra. Dashwood
Emilie François Margaret Dashwood
Elizabeth Spriggs Sra. Jennings
Robert Hardy Sir John Middleton
Ian Brimble Thomas
Isabelle Amyes Betsy
Alan Rickman Coronel Brandon
Greg Wise John Willoughby
Imelda Staunton Charlotte Palmer
Imogen Stubbs Lucy Steele
Hugh Laurie Sr. Palmer
Oliver Ford Davies Dr. Harris
Richard Lumsden Robert Ferrars
Josephine Gradwell Empregada da Sra. Jennings
Eleanor McCready Sra. Bunting
Kenneth W Caravan Socialite
Alexander John .

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Roteiro Adaptado (Emma Thompson)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Prêmio de Melhor Roteiro (Emma Thompson)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Filme (Lindsay Doran, Ang Lee )

Prêmio de Melhor Atriz (Emma Thompson)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Kate Winslet)

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Prêmio Urso de Ouro (Ang Lee)

Sociedade dos Críticos de Cinema de Boston

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Roteiro (Emma Thompson)

Prêmio de Melhor Direção (Ang Lee)

Prêmios do Cinema Alemão

Prêmio de Melhor Filme Estrangeiro (Ang Lee)

Círculo de Críticos de Cinema de Londres, Inglaterra

Prêmio Roteirista do Ano (Emma Thompson)

Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles, EUA

Prêmio de Melhor Roteiro (Emma Thompson)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Direção (Ang Lee)

Prêmio de Melhor Roteiro (Emma Thompson)

Sociedade dos Críticos de Cinema do Texas, EUA

Prêmio de Melhor Atriz (Emma Thompson)

Prêmio de Melhor Roteiro Adaptado (Emma Thompson)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Roteiro baseado em material previamente publicado (Emma Thompson)

Grêmio dos Roteiristas da Grã Bretanha

Prêmio de Melhor Roteiro (Emma Thompson)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Atriz (Emma Thompson)

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Kate Winslet)

Oscar de Melhor Filme (Lindsay Doran)

Oscar de Melhor Fotografia (Michael Coulter )

Oscar de Melhor Figurino (Jenny Beavan, John Bright)

Oscar de Melhor Trilha Sonora Original de um Drama (Patrick Doyle)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio David Lean de Melhor Direção (Ang Lee)

Prêmio de Melhor Design de Produção (Luciana Arrighi)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Alan Rickman)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Elizabeth Spriggs)

Prêmio de Melhor Fotografia (Michael Coulter)

Prêmio de Melhor Figurino (Jenny Beavan, John Bright)

Prêmio de Melhor Maquiagem/Cabeleireiro (Morag Ross, Jan Archibald)

Prêmio de Melhor Roteiro Adaptado (Emma Thompson )

Prêmio Anthony Asquith de Melhor Música (Patrick Doyle )

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Direção (Ang Lee)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Kate Winslet)

Prêmio de Melhor Atriz (Emma Thompson)

Prêmio de Melhor Trilha Sonora (Patrick Doyle)

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Prêmio do Júri dos Leitores do "Berliner Morgenpost" (Ang Lee)

Associação dos Críticos de Cinema de Chicago

Prêmio de Melhor Roteiro (Emma Thompson)

Prêmios Chlotrudis - Massachusetts, USA

Prêmio Chlotrudis de Melhor Filme

Prêmio Chlotrudis de Melhor Atriz (Emma Thompson)

Prêmio Chlotrudis de Melhor Ator Coadjuvante (Alan Rickman)

Prêmio Chlotrudis de Melhor Atriz Coadjuvante (Elizabeth Spriggs)

Prêmios David di Donatello, Itália

David de Melhor Atriz Estrangeira (Emma Thompson)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Ang Lee)

Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles, EUA

Prêmio de Melhor Direção (Ang Lee)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Atriz (Emma Thompson)

Prêmios PGA, Los Angeles, Califórnia, USA

Prêmio PGA de Melhor Produção (Lindsay Doran )

Associação dos Críticos de Cinema do Sudeste, Estados Unidos

Prêmio de Melhor Filme

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em virtude da morte do marido, uma viúva e suas filhas passam a enfrentar dificuldades financeiras, pois praticamente toda a herança da família vai para um filho do primeiro casamento, John, que ignorando a promessa feita no leito de morte de seu pai, decide não amparar as meias-irmãs.

Nesse contexto, além de Margaret, a mais nova das irmãs, com apenas 11 anos, Elinor e Marianne Dashwood vêem os bens mais valiosos irem embora, além de perderem os privilégios e regalias que até então usufruíam.  O pouco dinheiro que lhes resta não representa garantia de um futuro seguro, nem lhes proporciona um dote razoável, o que, na conjuntura social em que vivem, pode significar não conseguirem um bom casamento.

Apesar das circunstâncias desfavoráveis, o amor acontece quando surgem Edward Ferrars e John Willoughby.  A partir do momento em que se apaixonam, ficam visíveis as diferenças comportamentais entre Elinor e Marianne.  Enquanto uma é contida e racional, a outra é emotiva e com uma sensibilidade à flor da pele, denunciando com naturalidade, por meio de gestos arrebatados, os sentimentos que lhe invadem a alma.       

Para elas, pouco importa o 'status' financeiro de seus amados.  No entanto, a sociedade na qual se acham inseridas, valorizando apenas as condições social e econômica, inviabiliza, das mais variadas maneiras, a concretização de seus sonhos.

imagem

Comentários

"Razão e Sensibilidade" é um excelente filme que transcende sua época e faz com que se anseie por amar.  E isso se deve ao fato de ser extremamente romântico e de apresentar uma mensagem positiva a respeito do amor e da responsabilidade que amar acarreta.

O roteiro de Emma Thompson é uma perfeita mistura de amor, dor e humor, não deixando dúvidas sobre a razão que a levou a ganhar o Oscar da categoria.  A direção de Ang Lee é magnífica, usando a luz e a cor de forma perfeita.  As paisagens e as locações, no interior da Inglaterra, são encantadoras.

Emma Thompson e Kate Winslet provam, mais uma vez, porque são consideradas duas das melhores atrizes da atualidade.  O elenco coadjuvante também apresenta uma boa atuação.

CAA