Filmes por gênero

O CASAMENTO (1975)

imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: The marriage (Estados Unidos)
Pais: Brasil
Gênero: Drama
Direção: Arnaldo Jabor
Roteiro: Arnaldo Jabor
Produção: Paulo Porto, Eduardo Mascarenhas, Sidney Cavalcanti
Design Produção: Philip Rosenberg
Música Original: Sebastião Lacerda, Paulo Santos
Fotografia: Dib Lufti
Edição: Rafael Justo Valverde
Figurino: Francisco Altan, Maria Chaves
Maquiagem: José Pinheiro
Efeitos Sonoros: Onélio Motta, Mamede Utta, Geraldo José, José Tavares
Efeitos Especiais: Wilmar Menezes
Nota: 7.7
Filme Assistido em: 1975

Elenco

Adriana Prieto Glorinha
Paulo Porto Sabino
Camila Amado Noêmia
Nelson Dantas Xavier
Érico Vidal Antônio Carlos
Mara Rúbia Eudóxia
Fregolente Dr. Camarinha
Lícia Magna Esposa do Dr. Camarinha
Carlos Kroeber Padre Bernardo
André Valli José Honório
Cidinha Millan Maria Inês
Vinícius Salvatori Delegado Rangel
Gianina Singulani Leprosa
Abel Pera Pai de Sabino
Shulamith Yaari Mãe de Sabino
Norma Blum Glorinha (voz)
Rosa Maria Penna .
Kátia Grumberg .
Aurélio Araruama .
Alby Ramos .

Prêmios

Festival de Gramado, Brasil

Prêmio do Júri Especial (Arnaldo Jabor)

Kikito de Ouro de Melhor Atriz Coadjuvante (Camila Amado)

Indicações

Festival de Gramado, Brasil

Kikito de Ouro de Melhor Filme Brasileiro (Arnaldo Jabor)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Sabino, um rico industrial da construção civil, nutre um amor incestuoso por Glorinha, sua filha de 18 anos, que vai se casar em 48 horas.

Inconformado, entra numa crise existencial.  Sua consciência pesada de culpas que carrega faz até com que ele sonhe estar morrendo como um de seus pedreiros, cercado de britadeiras.   Em seu encontro de alcova com a secretária, Noêmia, confessa ter tido desejos homossexuais na adolescência, desmentindo logo a seguir.

Dr. Camarinha, um ginecologista e amigo próximo, lhe avisa que o noivo de sua filha Glorinha é pederasta, já que o viu beijando José Honório, assistente dele na Clínica.  Sabino, entretanto, parece não se abalar com o que ouve e decide manter a cerimônia.  Afinal de contas, o importante é manter as aparências de respeitabilidade social.  Ao se confessar, ao som de um canto gregoriano, expõe ao padre seus conflitos íntimos.

Paralelamente, ao saber das denúncias do Dr. Camarinha, Glorinha faz um retrospecto doloroso de seus 18 anos de sexo, violências e procuras desesperadas.

Em flashbacks e ações entrelaçadas, aparecem as verdades que se escondem sob a aparente felicidade burguesa.

imagem imagem imagem

Comentários

Baseado na obra de Nelson Rodrigues, "O Casamento" é um bom drama.  Realizado pelo cineasta Arnaldo Jabor, que também assina o roteiro, a trama envolve injustiças, crimes, adultérios e perversões sexuais.

Jabor faz um ótimo trabalho, tanto na estruturação do roteiro, como na direção.  No elenco, vale ressaltar as atuações de Paulo Porto, Adriana Prieto e Camila Amado, esta última agraciada com um Kikito de Ouro de Melhor Atriz Coadjuvante.

CAA