Filmes por gênero

MARLON BRANDO

bio bio bio bio

Informações

Nome Batismo: Marlon Brando Jr.
Nascimento: 03 Abr 1924
Local Nascimento: Omaha, Nebraska, EUA
Falecimento: 01 Jul 2004
Local Falecimento: Los Angeles, California, EUA
Causa Falecimento: Fibrose pulmonar
Altura: 1.78 m

Minibiografia

Descendente de imigrantes irlandeses, Marlon Brando era o filho mais novo de Marlon Brando Sr., um vendedor de carbonato de cálcio, e de Dorothy Pennebaker, professora de teatro que chegou a ministrar aulas a Henry Fonda.

Sua irmã mais velha, Jocelyn, também foi atriz e a primeira a deixar o meio-oeste por Nova York, onde estudou teatro. Com ela, seguiu também Frances, a outra irmã de Brando, só que para estudar arte.

Enquanto isso, ele entrou para a Academia Militar, em Shattuck, onde teve problemas num dos joelhos, ao jogar futebol, e terminou saindo por indisciplina. Em 1943, decidiu seguir o caminho das irmãs, indo para Nova York, onde se matriculou num curso de teatro. Sua estréia na Broadway ocorreu no ano seguinte, com a peça "I Remember Mama", um grande sucesso. Como um jovem ator da Broadway, Brando recebeu vários convites para fazer testes para o cinema, mas preferiu continuar em Nova York. Seu maior sucesso no teatro ocorreu em 1943, quando participou da montagem da famosa peça de Tennessee Williams, "Um Bonde Chamado Desejo".

Sua estréia em Hollywood ocorreu em 1950 no papel principal do ótimo filme de Fred Zinnemann, "Espíritos Indômitos", ao lado de Teresa Wright. No ano seguinte, atuou no premiadíssimo filme de Elia Kazan, "Um Bonde Chamado Desejo". Na ocasião, Brando foi indicado ao Oscar de Melhor Ator, tendo perdido a estatueta para Humphrey Bogart, por sua atuação em "Uma Aventura na África".

A partir daí, Brando acumulou sucesso após sucesso, sendo oito vezes indicado ao Oscar de Melhor Ator, e agraciado com duas estatuetas por seus trabalhos em "Sindicato de Ladrões", de Elia Kazan, e "O Poderoso Chefão", de Francis Ford Coppola.

Em 11/10/1957, Brando casou-se com a atriz Anna Kashfi, de quem se divorciou em 22/04/1959; voltou a se casar em 04/06/1960 com a atriz mexicana Movita Castañeda, de quem se divorciou dois anos depois; finalmente, casou-se com Tarita Teriipia, natural de Bora Bora, na Polinésia Francesa, em 10/10/1962, divorciando-se dela em 14/07/1972. Todas suas esposas encontravam-se grávidas ao se casarem. No seu testamento, Brando reconhece os seguintes filhos: Christian, de seu casamento com Anna Kashfi; Miko e Rebecca, de seu casamento com Movita; Simon e Cheyenne, de seu casamento com Tarita; Petra, Maimiti e Raiatua, por adoção; Nina, Myles e Timothy, de seu relacionamento com sua governanta, Christina Maria Ruiz.

Em maio de 1990, seu filho Christian assassinou Dag Drollet, amante tahitiano de sua meia-irmã, Cheyenne. Cinco anos depois, deprimida pela morte de Dag, Cheyenne enforcou-se aos 25 anos. Alguns meses depois da morte de Brando, sua ex-mulher Tarita escreveu suas memórias, as quais deu o nome de "Marlon, Meu Amor e Meu Tormento", onde alega que ele teria abusado sexualmente de sua filha Cheyenne.

Marlon Brando é considerado o maior ator de cinema de todos os tempos, rivalizado apenas por Laurence Olivier. Ao contrário deste último, que preferiu dedicar-se mais ao teatro, Brando concentrou seu talento no cinema, após sua ligeira passagem pelos palcos da Broadway.



Filmografia Ator (Filmes que assisti)

A FACE OCULTA (1961) One-eyed Jacks
APOCALYPSE NOW (1979) Apocalypse now
CAÇADA HUMANA (1966) The chase
CASA DE CHÁ DO LUAR DE AGOSTO (1956) The Teahouse of the August Moon
DÉSIRÉE, O AMOR DE NAPOLEÃO (1954) Désirée
DON JUAN DeMARCO (1994) Don Juan DeMarco
ELES E ELAS (1955) Guys and dolls
ESPÍRITOS INDÔMITOS (1950) The men
JÚLIO CÉSAR (1953) Julius Caesar
O PECADO DE TODOS NÓS (1967) Reflections in a golden eye
O PODEROSO CHEFÃO (1972) The Godfather
OS DEUSES VENCIDOS (1958) The young lions
O SELVAGEM (1953) The wild one
SAYONARA (1957) Sayonara
SINDICATO DE LADRÕES (1954) On the waterfront
ÚLTIMO TANGO EM PARIS (1972) Ultimo tango à Parigi
UMA RUA CHAMADA PECADO (1951) A streetcar named desire
VIDAS EM FUGA (1959) The fugitive kind
VIVA ZAPATA! (1952) Viva Zapata!

Filmografia Diretor (Filmes que assisti)

A FACE OCULTA (1961) One-eyed Jacks

Premiações (Filmes que assisti)

VIVA ZAPATA! (1952) Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra Prêmio de Melhor Ator Estrangeiro
VIVA ZAPATA! (1952) Festival Internacional de Cannes, França Prêmio de Melhor Ator
A FACE OCULTA (1961) Festival Internacional de San Sebastián, Espanha Prêmio Concha de Ouro
JÚLIO CÉSAR (1953) Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra Prêmio de Melhor Ator Estrangeiro
SAYONARA (1957) Prêmios David di Donatello, Itália David de Melhor Ator Estrangeiro
SINDICATO DE LADRÕES (1954) Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA Oscar de Melhor Ator
SINDICATO DE LADRÕES (1954) Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra Prêmio de Melhor Ator Estrangeiro
SINDICATO DE LADRÕES (1954) Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA Prêmio de Melhor Ator
SINDICATO DE LADRÕES (1954) Prêmios Globo de Ouro, EUA Prêmio de Melhor Ator em um Drama
ÚLTIMO TANGO EM PARIS (1972) Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA Prêmio de Melhor Ator
ÚLTIMO TANGO EM PARIS (1972) Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos Prêmio de Melhor Ator
OS DEUSES VENCIDOS (1958) Prêmios Laurel, USA Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator em um Drama
O PODEROSO CHEFÃO (1972) Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA Oscar de Melhor Ator
O PODEROSO CHEFÃO (1972) Prêmios Globo de Ouro, EUA Prêmio de Melhor Ator em um Drama
O PODEROSO CHEFÃO (1972) Círculo dos Críticos de Cinema de Kansas City, USA Prêmio de Melhor Ator
UMA RUA CHAMADA PECADO (1951) Prêmios Jussi, Finlândia Diploma de Mérito

Indicações (Filmes que assisti)

VIVA ZAPATA! (1952) Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA Oscar de Melhor Ator
CASA DE CHÁ DO LUAR DE AGOSTO (1956) Prêmios Globo de Ouro, EUA Prêmio de Melhor Ator em um Musical ou Comédia
A FACE OCULTA (1961) Grêmio dos Diretores da América Prêmio por Direção Excepcional
JÚLIO CÉSAR (1953) Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA Oscar de Melhor Ator
SAYONARA (1957) Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA Oscar de Melhor Ator
SAYONARA (1957) Prêmios Globo de Ouro, EUA Prêmio de Melhor Ator em um Drama
SAYONARA (1957) Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA Prêmio de Melhor Ator
SINDICATO DE LADRÕES (1954) Prêmios Bambi, Alemanha Prêmio Bambi de Melhor Ator Internacional
ÚLTIMO TANGO EM PARIS (1972) Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA Oscar de Melhor Ator
ÚLTIMO TANGO EM PARIS (1972) Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra Prêmio de Melhor Ator
OS DEUSES VENCIDOS (1958) Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra Prêmio de Melhor Ator Estrangeiro
O PODEROSO CHEFÃO (1972) Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra Prêmio de Melhor Ator
O PODEROSO CHEFÃO (1972) Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA Prêmio de Melhor Ator
O PODEROSO CHEFÃO (1972) Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos Prêmio de Melhor Ator
UMA RUA CHAMADA PECADO (1951) Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA Oscar de Melhor Ator
UMA RUA CHAMADA PECADO (1951) Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA Prêmio de Melhor Ator