Filmes por gênero

RITA HAYWORTH

bio bio bio bio

Informações

Nome Batismo: Margarita Carmen Cansino
Apelido: The Love Goddess
Nascimento: 17 Out 1918
Local Nascimento: Brooklyn, New York, EUA
Falecimento: 14 Mai 1987
Local Falecimento: New York, EUA
Causa Falecimento: Mal de Alzheimer
Altura: 1.68 m

Minibiografia

Filha de uma família de dançarinos ciganos espanhóis, Margarita Carmen Cansino subiu ao palco pela primeira vez, aos doze anos, ao lado do pai. Treinada profissionalmente, ainda adolescente apresentou-se várias vezes em cassinos na fronteira dos EUA com o México. Um barman apaixonou-se por ela e inventou o drink "Margarita" em sua homenagem.

Primeiramente, atraindo a atenção de produtores de cinema como parte da "Família Cansino de Dançarinos", Margarita estreou no cinema em 1935 com o nome de Rita Cansino, no filme "O Inferno de Dante", após assinar contrato com a Fox Film Corporation.  Depois de participar de alguns outros filmes, em pequenos papéis, o Estúdio não renovou seu contrato, fazendo com que ela passasse a trabalhar para diversas produtoras, em filmes de baixo orçamento, inclusive alguns faroestes.

Em 1937, ao ser contratada pela Columbia Pictures, adotou o nome de Rita Hayworth. Sua beleza chamou a atenção dos dirigentes do Estúdio, que viram nela a possibilidade de vir a se tornar uma grande estrela. Em 1939, obteve o segundo melhor papel feminino em "Paraíso Infernal", de Howard Hawks.  Dois anos depois, ela viveria seu primeiro sucesso, ao trabalhar ao lado de James Cagney e Olivia De Havilland em "Uma Loura com Açúcar". No mesmo ano, ao contracenar com Tyrone Power em "Sangue e Areia", viu solidificar-se seu caminho para o estrelato. Ao dançar com Fred Astaire em "Bonita Como Nunca" e "Ao Compasso do Amor", e depois com Gene Kelly em "Modelos", Rita firmou-se como uma das maiores dançarinas de Hollywood e a maior estrela romântica dos anos 40.  O clássico "Gilda", de 1946, ao lado de Glenn Ford, a transformou no maior mito da década.

Rita casou-se cinco vezes: seu primeiro casamento foi com o empresário Edward Judson (1937 - 1943); divorciada, casou-se em seguida com Orson Welles (1943 - 1948), com quem teve a filha Rebecca Welles; seu terceiro casamento foi com o príncipe Ali Kahn (1949 - 1953), com quem teve a princesa Yasmin Aga Kahn; em seguida, casou-se com o cantor Dick Haymes (1953 - 1955) e, finalmente, em 1958, casou-se com o produtor James Hill, de quem se divorciou três anos depois.

Seus três últimos casamentos a fizeram interromper sua carreira por diversas vezes.  Seu insucesso no amor era por ela definido como: "A maioria dos homens apaixona-se por Gilda, mas acorda comigo".

Nos anos 60, Rita passou a beber, fato que veio a refletir em sua carreira e em seu físico. Após atuar em "Aguirre, a Cólera dos Deuses", 1972, ela não mais voltou às telas. Em 1980, foi diagnosticada com "Mal de Alzheimer". No ano seguinte, foi colocada sob a tutela de sua filha Yasmin, com quem permaneceu até sua morte aos 68 anos de idade.



Filmografia Atriz (Filmes que assisti)

A DAMA DE SHANGHAI (1947) The lady from Shanghai
A DIVINA IRA (1972) The wrath of God
AO COMPASSO DO AMOR (1941) You' ll never get rich
A PROTEGIDA DE PAPAI (1940) The lady in question
BONITA COMO NUNCA (1942) You were never lovier
DINHEIRO É A ARMADILHA (1965) The money trap
GILDA (1946) Gilda
LÁBIOS DE FOGO (1957) Fire down below
MEUS DOIS CARINHOS (1957) Pal Joey
MINHA NAMORADA FAVORITA (1942) My gal Sal
MODELOS (1944) Cover girl
O CORAÇÃO DE UMA CIDADE (1945) Tonight and every night
OS AMORES DE CARMEN (1948) The loves of Carmen
O SÉTIMO MANDAMENTO (1961) The happy thieves
PARAISO INFERNAL (1939) Only angels have wings
QUANDO OS DEUSES AMAM (1947) Down to Earth
SALOMÉ (1953) Salome
SANGUE E AREIA (1941) Blood and sand
SEIS DESTINOS (1942) Tales of Manhattan
UMA MULHER ORIGINAL (1940) Susan and God
UMA VIÚVA EM TRINIDAD (1952) Affair in Trinidad
VIDAS SEPARADAS (1958) Separate tables